Card: UWF Wrestlemania II >> O grande momento chegou!

vRYW99R - Imgur

Informações Básicas

  • Nome do Evento: UWF Wrestlemania II
  • Data e Hora: 13/04/2014 às 21:00 (Horário de Brasília)
  • Empresa: Universo Wrestling Fake
  • Localização: East Rutherford, New Jersey
  • Arena: MetLife Stadium (Capacidade de 82.566 pessoas)

WM29_Arena_03

hauhauhahua

.

Theme Song – Killswitch Engage – In Due Time

.

Card:

M9PeRMGMatch #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen

Preview: Steen e Jack, duas das mais poderosas máquinas de destruição da UWF, se encontrarão na WrestleMania no próximo dia 13 de abril em um combate que promete estremecer o Metlife Stadium. Ambos podem não viver as suas melhores fases, mas ainda sim são perigosos. Após as derrotas para Tanaka no Royal Rumble e na #1 contender match pelo Intercontinental Championship no WAR de 17 de março, Steen começou a enxergar o mundo de uma forma diferente, passando a ter o ódio por todos e prometendo voltar a seus dias de glória. Jack, após também passar muito perto de derrotar Tanaka no No Way Out, se viu em uma grande queda, não conseguindo vencer uma fatal 4-way para disputar o UWF Championship na WrestleMania. Como resultado, a besta resolveu mostrar seu pior lado ao atacar ferozmente alguém, mas este alguém era Steen. Após uma série de incitações sobre quem seria o mais violento e o mais perigoso, foi decidido que os dois se enfrentariam na WrestleMania, em uma luta que certamente será brutal. Quem será o monstro mais dominante da UWF? Qual deles sairá de pé? Quem voltará primeiro aos seus dias de glória? Todas essas perguntas serão respondidas brevemente, mas não importa quem vencer, alguém irá sofrer no pós-WrestleMania.

8FCosk3Match #2: Tag Team Turmoil for UWF World Tag Team Championship – The Unruly Generation (Mike Von Pryer & Elizabeth Baddrock – Número #2) vs. The British Airlines (Valugi Barros & Gabriel Hardy – Número #3) vs. Black Hearth Conviction (JhoBarrage & Leonardo Felix – Número #5) vs. Nightmare Knockout Connection (Raymond Murphy & Huber Lee – Número #4) vs. The Beauty & The Beast (A.B. & Daena – Número #1)

Preview: Após longos seis meses, o UWF Tag Team Championship está de volta em grande estilo. A WrestleMania certamente é o melhor palco para que os novos campeões sejam coroados. Um título com tantas glórias durante a sua existência e que consagrou tantas carreiras só podia mesmo brilhar no maior espetáculo do ano. Cinco equipes irão entrar em rota de colisão no próximo dia 13 pelo direito de se proclamarem campeões de duplas, títulos que um dia já estiveram na posse de nomes como Stuart Sanders, Steen, Pefecto e Yuki Nagata. Após Dean Nolan e Pedro “Jason” Cruz aposentarem o Tag Team Championship em meados de outubro de 2013, Rob Awesome anunciou o retorno do título no WAR de 26 de janeiro de 2014, criando um torneio para coroar os novos campeões, que teria seu fim na WrestleMania. Porém, por vários motivos, Pedro Santos, o responsável por administrar o torneio, anunciou no Raw is WAR de 6 de março que ele estaria cancelado. Duas semanas depois, Gustavo Lozzer informou a todos que uma tag team turmoil ocorreria na WrestleMania pelo título de duplas. Os escolhidos foram A.B. junto de Daena, a British Airlines (Valugi e Gabriel Hardy), a Unruly Generation (MVP e Elizabeth Baddrock) e a Team Murphy (Raymond Murphy e Huber Lee), com posteriormente Jho Barrage e Leonardo Félix sendo acrescentados a disputa. Dos dez, a maioria são novos talentos que buscam seu espaço na UWF. A.B. e Daena são os consolidados dentro da empresa nessa disputa, mas querem mostrar que mesmo depois de tanto tempo, ainda podem ser campões credíveis. A Unruly Generation, gerenciada por Bill Connor, por sua vez, vem para provar que não são fracos, ao contrário do que todos pensam, e as recentes vitórias contra o time de A.B. e Daena certamente os deu moral. A British Airlines é a dupla que mais tempo está junta, pois é remanescente do torneio cancelado. Com muito entrosamento e com a eximia experiência inglesa de Valugi, juntamente com toda a técnica de Hardy, os colocam como dos fortes candidatos à conquista. Raymond e Huber não se combinam, mas nos raros momentos que unem suas forças contra seus oponentes, são quase que imparáveis, mas nos resta saber se eles poderão se ajudar simultaneamente no maior palco do mundo. E Jho e Félix são os que menos têm tempo na disputa, mas com a grande habilidade que ambos possuem isso não será um empecilho para que possam vencer os títulos. O futuro da UWF está presente nesse combate. A dupla vencedora dará um grande passo para se tornarem grandes nomes da empresa. O caminho da vitória será árduo, por isso, apenas aqueles que verdadeiramente mais estiverem preparados poderão alcançar a vitória na WrestleMania, escrevendo assim outra página de suas carreiras.

TAaHfrEMatch #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke

Preview: Em pouco tempo, Dean Nolan e Cody Clarke adquiriram uma longa história durante toda a Road to WrestleMania, e o culminar de tudo acontecerá no dia 13 de abril. Quem conseguirá sair vitorioso? Com todos os méritos, Nolan com seus mais de 100 dias de reinado pode ser considerado o maior Extreme Champion da história, sendo o lutador que há mais tempo segura o título e aquele que mais desafios enfrentou durante sua jornada. Durante os quatro meses e meio que é campeão, Nolan aos poucos recuperou a confiança em si mesmo depois do fracasso perante a Luiz Tanaka na disputa pelo World Heavyweight Championship em novembro de 2013. Sua autoestima se elevou tanto que ele começou a se achar superior a qualquer outro em “sua divisão” e começou a ter ações que foram contestadas pelos fãs, como seus acessos de fúria. Clarke, por sua vez, foi pelo mesmo caminho de superação de Nolan. Após uma série de derrotas que parecia interminável no final do ano, o “Cody14” entrou em ação e uma revolução aconteceu na vida do “instant classic”. Após um acúmulo de vitórias e uma grande participação na Royal Rumble match, Cody finalmente foi recompensado. Ele ganhou uma chance ao Extreme Championship no Raw de 12 de fevereiro, mas acabou por perder para Nolan, que após o combate quase o lesiona gravemente em um dos seus ataques de raiva. Passado o susto, Cody retornou no Raw is WAR de 6 de março, começando sua “vingança”, fazendo Nolan se desestabilizar psicologicamente semana após semana. E, em 29 de março, Cody mais uma vez conquistou o direito de desafiar Nolan pelo Extreme Championship, desta vez, na WrestleMania. Ataques, sequestros e jogos psicológicos. Tudo isso fez com que Nolan e Clarke fossem realmente aos seus extremos nas últimas semanas. Agora, a batalha final será na WrestleMania, lutada em uma Hell in a Cell match, que fara com que ambos tenham que doar até sua última gota de sangue, mas só um poderá sair do Metlife Stadium como Extreme Champion.

xBtRpmCMatch #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian

Preview: Está sem dúvida será a luta mais sentimental da WrestleMania. Cada um dos envolvidos vive emoções diferentes na véspera do maior evento de todos e resta saber se isso ajudará ou atrapalhará Jason, Christian ou JoMo no maior evento do ano. Após 5 meses como Intercontinental Champion, Jason adquiriu atitudes pouco convencionais na tentativa de ganhar algum tipo de vantagem antes das suas defesas de título. Usando pessoas ou objetos com um valor muito alto para seus desafiantes, ele já conseguiu derrotar nomes como Valugi Barros e Raymond Murphy com essa técnica. Com Christian, o plano de Jason não foi diferente. Usando de JoMo Eduardo, lutador que com Christian formou a C&J, sendo Tag Team Champions, ele começou a perturbar a mente do seu oponente, jogando JoMo contra Christian. Porém, o que Jason não esperava é que JoMo fosse atrás do Intercontinental Championship em vez de buscar um vingança por ter sido deixado na mão. Após Christian optar por vencer uma luta contra Caio Almeida, JoMo acabou por sofrer nas mãos de Jason, que havia o sequestrado. A partir desse momento, JoMo tomou uma posição diferente sobre as todas pessoas, passando a se importar apenas consigo. Desta forma, ele venceu uma #2 contender e também se tornou desafiante ao Intercontinental Championship. Ao mesmo tempo em que JoMo procura vencer o título, ele também vai atrás de sua vingança, que segundo ele será concretizada ao vencer o campeonato, podendo assim o “esfregar” na cara de Jason e de Christian. Christian, por sinal, é o que mais ficou “entre a cruz e a espada” durante esse tempo. Após alguns fracassos na rota do World Heavyweight Championship, ele conseguiu uma chance ao título intercontinental, mas desde então sua vida virou um caos. Perdendo o seu melhor amigo e paz da qual ele diz que tinha voltado a conquistar, Christian chegou a certos momentos esquecer-se da luta pelo Intercontinental na WrestleMania, tentando arrumar o que Jason havia bagunçado. Entretanto, após se dar conta que ele ainda tinha seus “peeps” para apoiá-lo sempre, o “captain charisma” novamente voltou seu foco ao título, deixando para trás todas as coisas ruins. Se não bastasse a qualidade individual de cada um dos três, o acréscimo de uma Last Man Standing Elimination match como estipulação abrilhantou ainda mais essa luta, que promete ser uma das mais acirradas no dia 13. Soberania, ódio ou confiança? Qual dessas emoções irá prevalecer na WrestleMania? A sorte está lançada para os três.

QOilH0DMatch #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler

Preview: Um dos títulos mais importantes da UWF chega a WrestleMania 2 sem um dono, mas não por muito tempo, pois Perfecto ou Tomyer irão levar o UWF Championship para casa no domingo. Para isso, eles terão que subir em escadas e retirar o título do gancho que estará suspenso a 20 pés (6 metros) do chão. Estes dois já têm histórias na rota do UWF Championship. Perfecto lutou pelo título da UWF na segunda metade de 2013, mas acabou por não conseguir derrotar o então campeão na época, Yuki Nagata. Não muito tempo depois de perder a disputa, Pefecto teve que se ausentar da UWF por dois meses, e desde que retornou a empresa vem dando o seu máximo a cada dia e toda essa dedicação culminou na vitória de uma fatal 4-way, ganhando o direito lutar pelo UWF Championship na WrestleMania. Tomyer já é um ex-UWF Champion, tendo segurado o título por apenas um mês. Mas desde que perdeu o cinturão, ele acabou também por se perder, chegando ao ponto de se despedir da empresa por cause de seu fracasso. Mesmo após ganhar uma segunda de Stuart Sanders para voltar a UWF, Tomyer continuava em um rumo sem saída, se afundando cada vez mais nas suas próprias magoas. Porém, nada que o tempo pudesse apagar. Tomyer aos pouco foi novamente se encontrando e percebendo que o passado já estava escrito e não podia ser alterado, voltado aos poucos a sua boa forma. E depois da demissão de Rob Awesome e o seu destronamento como UWF Champion, Tomyer ganhou a chance de poder se redimir consigo mesmo e com os seus fãs, ao vencer um combate para se tornar no novo desafiante de Perfecto pelo UWF Championship na WrestleMania. Perfecto e Tomyer se respeitam e sabem da qualidade do adversário, mas os dois sabem do momento grandioso que vivem e já partiram para as investidas na tentativa de mostrar quem é o melhor e quem está mais preparado para se tornar no novo campeão e a ladder match proposta para a WrestleMania é apenas uma prova disso. Perfecto já venceu uma luta de escadas na última WrestleMania e larga com vantagem, mas em contrapartida, é Tomyer quem já conseguiu estar entre os “grandes” e sabe lidar com os momentos mais complicados. Apenas por isso, é impossível de se cravar quem está mais perto do título, ainda mais com o quesito imprevisibilidade acrescentado pela ladder match. A única certeza é a de que ambos darão um espetáculo maravilhoso e independente do vencedor, a UWF terá um grande campeão.

S5z5mYLMain Event: Three Stages of Hell for UWF World Heavyweight Championship (1º Fall – Steel Cage / 2º Fall – No Holds Barred / 3º Fall – I Quit Match) – “The Last Real Man in Pro-Wrestling” Luiz Tanaka © vs. “The Death Machine” and Royal Rumble Winner Stuart Sanders

Preview: As duas maiores lendas da UWF batalharão mais uma vez um contra o outro, agora, é o World Heavyweight Championship que estará em jogo, e desta vez, será no main event do maior evento de todos: a WrestleMania. Luiz Tanaka e Stuart Sanders, os lutadores mais antigos do Universo Wrestling Fake e aqueles que mais se imortalizaram com o tempo, encerrarão uma era no dia 13 de abril, onde apenas um poderá sair vitorioso e com o World Heavyweight Championship no ombro. Durante todo o ano de 2013, Tanaka conseguiu construir um império a sua volta, ao destronar Gustavo Lozzer do comando da UWF e assumir o seu lugar, reunindo a E.V.I.L. mais uma vez para ganhar o World Heavyweight Championship e para manter com o seu controle absoluto. E não obstante, ele se solidificou tanto no ringue que hoje são poucos aqueles que conseguem obter uma vitória contra o atual dono da UWF. Essa combinação de fatores fez com que Tanaka se autoproclamasse como um deus, do qual não pode ser atingido por nada. Sanders, por outro lado, teve uma visível queda de rendimento após perder o World Heavyweight Championship na WrestleMania 1 por causa de Kenta Kurishimi, chegando até mesmo a ser demitido da empresa por conta deste último. Mas após conseguir retornar e eliminar o seu algoz no ano de 2013, Sanders começou a sua reabilitação pouco a pouco, ingressando na E.V.I.L. como parte de seu plano para voltar ao topo. Após conseguir extrair tudo o que queria no grupo de Tanaka, Sanders conseguiu derrotar outros 29 lutadores na Royal Rumble match, escolhendo seu eterno rival para um combate na WrestleMania. E após uma série de confrontos de todas as formas imagináveis entre ambos, Tanaka e Sanders decidiram se enfrentar na segunda Three Stages of Hell match da história da UWF, tendo como estipulações uma Steel Cage match, uma No Holds Barred match e uma “I Quit” match para encerrar a disputa entre os dois. O que já seria inesquecível, se tornou ainda mais especial. Certamente, de todas as lutas que ocorrerão no dia 13 de abril, esta é a que envolverá mais pressão psicológica. Enquanto Tanaka tenta assustar Sanders trazendo a tona que ele era Kenta o tempo todo, o Royal Rumble winner aos poucos tenta tirar a confiança do World Heavyweight Champion, fazendo-o ficar paranoico. E é assim que estes dois irão ao Metlife Stadium. Coragem ou confiança? Qual dos dois fatores poderá fazer a diferença? Seja o que for esta luta será histórica, pois a gigantesca qualidade de ambos dentro do ringue é incontestável e juntamente com um complexo plano de fundo que os envolve, outra five stars match pode estar a caminho. E o vencedor deste combate certamente será lembrado para sempre como a maior lenda de todas na UWF.

Sobre Sanders

Come to the Darkside, we have cookies.

Publicado em 12/04/2014, em Card e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 84 Comentários.

  1. Lights, Camera, Action… here we go!!!!

    Bem vindos universo UWF, ao The Cody Clarke Show, edição Wrestlemania, pois é o maior evento do ano está ai à porta, o palco dos sonhos está montado mo MetLife Stadium em New Jersey e bem, será o mais proximo que os New Yorkers estarão de titulos nos proximos tempos… calma, calma, não comecem já com o hate, sabem que eu estou a brincar, como fã dos Bengals, não estou muito melhor que vocês, mas vamos ao que interessa, ao card daquele evento que colocará o melhor do entretenimento e do wrestling juntos para todo o mundo assistir, Wrestlemania II.

    Match #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen

    A abrir a Wrestlemania teremos Mr Wrestling Steen combatendo Jack o violento, dois nomes que podiam muito bem ser estrelas da Marvel, mas pronto, estão aqui, Steen tem feito um otimo trabalho desde que regressou à companhia, vem tentando ganhar seu lugar no topo de novo, mas a tarefa está complicada para já, pois à sua frente tem um ex UWF Champion, sendo ele também um ex campeão posso prever um combate fisico e muito, muito pessoal com a vitoria a cair ao Steen, sou fã dele, não posso evitar em torcer por ele, Go Steen whohoo!

    Match #2: Tag Team Turmoil for UWF World Tag Team Championship – The Unruly Generation (Mike Von Pryer & Elizabeth Baddrock – Número #2) vs. The British Airlines (Valugi Barros & Gabriel Hardy – Número #3) vs. Black Hearth Conviction (JhoBarrage & Leonardo Felix – Número #5) vs. Nightmare Knockout Connection (Raymond Murphy & Huber Lee – Número #4) vs. The Beauty & The Beast (A.B. & Daena – Número #1)

    – A tag team division está de volta à UWF e com ela um enorme turmoil, estas teams têm se debatido como bravos nas ultimas semanas para ganhar vantagem neste combate, se fosse por preferencia gostava que a Elizabeth Baddrock, ou Lizzie como eu gosto de chamar nos nossos momentos privados, que basicamente são quando faço chamadas anonimas para o seu celular, ganhasse, mas como o tag team partner dela é o MVP, não estou vendo isso acontecer, não que o MVP seja mau… ok, é mesmo isso, MVP é mau.
    Bem, penso que a vitoria será ou dos Black Heart Conviction ou dos Nightmare Knockout Connection, (não tinham nomes maiores?) Por preferencia, espero que ganhe a tag team do Jho Barrage, pois ele merece após o nosso combate à umas semanas, ele merece esta recompensa.

    Match #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke

    – Pff, duh!!! Depois falo disto num video à parte.

    Match #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian

    – Ora bem, quem é que temos aqui, Jason, Christian e Jomo, o que é que estes três têm em comum? Ambos falaram mal de Cody Clarke quando ele entrou na UWF. ambos me rebaixaram e desprezaram, mas pronto, não guardo rancor de ninguém, até porque já os fiz mudar de pensamento em relação à minha pessoa, quanto ao combate em si, todos eles são extremamente talentosos, todos eles são justos vencedores, mas penso que Jason irá reter o titulo, não por ele ser melhor, mas por ele deixar Christian e Jomo se destruirem no ringue e sem que eles percebam, chegar por tras e roubar o combate, acredito mesmo que isso aconteça, há demasiado heat entre os ex C&J e se eles não mantiverem a cabeça fria estou vendo eles se esquecerem do Jason e este a tirar partido do combate.

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler

    – Tomyer foi colocado aqui a ultima da hora devido ao Rob Awesome ter ido embora, Perfecto tem estado bem focado neste titulo e quem quer que fosse o seu oponente vejo ele sair daqui com o belt, ele tem se preparado muito bem desde que regressou, vejo ele todos os dias a treinar para este combate super focado, Tomyer teve menos tempo para se preparar, acredito que será um grande combate entre os meus dois wrestlers favoritos da UWF, mas é isso, acho que o Demigod of Pro-Wrestling sairá do maior palco do mundo como UWF Champion.

    Main Event: Three Stages of Hell for UWF World Heavyweight Championship (1º Fall – Steel Cage / 2º Fall – No Holds Barred / 3º Fall – I Quit Match) – “The Last Real Man in Pro-Wrestling” Luiz Tanaka © vs. “The Death Machine” and Royal Rumble Winner Stuart Sanders

    – Chegamos ao Main Event, acho que mais pessoal que isto não pode haver, os dois “fundadores” da UWF, aqueles que tornaram esta empresa naquilo que ela é hoje irão se enfrentar num Final Clash de 3 estagios, teremos os dois originais se destruindo para se saber quem é o numero um da UWF, o reinado de Tanaka nunca esteve tão ameaçado como desta vez e o mesmo para a carreira de Sanders que pode terminar se mais uma vez ele não conseguir superar o Tanaka, esta rivalidade deverá acabar na Wrestlemania, teremos duas lendas, mas só um sairá vencedor, é muito dificil para mim falar um vencedor, por isso vou apenas esperar o melhor combate de sempre no maior palco do mundo, penso que é isso que todo o fã quer.

    E é isto, foi a minha analise ao card, fiquem atentos, pois a Wrestlemania será esplosiva, até lá.

    • Cody, realmente você conseguiu fazer eu queimar a língua , e depois de tanto esforço e dedicação vindo da sua parte, só posso lhe dizer que você virou um Verdadeiro Wrestler, e dos cavalos bons. Enquanto a minha luta , tenho raiva de Christian, mas em nenhum momento perderei o foco na luta e deixarei Jason se aproveitar disso.

  2. "The Man with a Black Heart" Leonardo Felix

    Match #2: Tag Team Turmoil for UWF World Tag Team Championship – The Unruly Generation (Mike Von Pryer & Elizabeth Baddrock – Número #2) vs. The British Airlines (Valugi Barros & Gabriel Hardy – Número #3) vs. Black Hearth Conviction (JhoBarrage & Leonardo Felix – Número #5) vs. Nightmare Knockout Connection (Raymond Murphy & Huber Lee – Número #4) vs. The Beauty & The Beast (A.B. & Daena – Número #1): Finalmente a hora está chegando,aquela hora em que farei história mais uma vez…Caso eu ganhe essa luta,será o meu terceiro título,pois já fui Extreme e Pure Champion. Porém,quando tive a posse desses títulos,fui uma decepção para mim e para os outros. Agora,as coisas serão diferentes. Eu não me matarei pra ganhar esse título e depois trata-lo como lixo. Esse título será mais uma forma de mostrar como mudei.
    Porém dessa vez há uma grande diferença…Eu terei Jho ao meu lado nessa caminhada,e nós iremos ajudar um ao outro.
    Fui escolhido por ele a pouco tempo atrás,em algo que me surpreendeu…Nunca pensei que estaria disputando um título do qual desprezava,no meu segundo PPV de volta. Mas agora isso não importa. Eu e Jho fomos os últimos a entrar nessa luta e seremos os últimos a entrar na Tag Team Turmoil. E ganhamos esse número com méritos quando Jho ganhou a Battle Royal,comigo sendo o penúltimo eliminado,mostrando que sabemos nos ajudar para sucedermos como equipe. Essa será a nossa segunda luta como uma equipe de verdade. E vamos mostrar o quanto aprendemos em todo esse tempo que tivemos. Se acham que a Black Heart Convicton será a mesma que lutou contra a Unruly Generation,então tenho más notícias a vocês…Estão totalmente enganados. Vocês não sabem o que os espera e na verdade só podem pensar. Fiquem pensando bem,pois quando chegarem para nos enfrentar,será algo que nunca esperaram…

    Após tanto falar sobre meus oponentes,darei um veredito final sobre cada um deles:
    The Beauty & The Beast: A tag com mais altos e baixos de todos. Não vem ganhando muito como dupla e individualmente,e é por isso que serão os primeiros a entrar. Alias,foram os únicos que conseguiram perder para a Unruly Generation. Mas,nas brawls sempre tiveram algum destaque e acabaram conseguindo atacar alguém (inclusive eu). Só que essa luta não se tornará nenhuma brawl. Então,terão que ambos lutar tão bem quanto nos tempos de glória se quiserem ir a algum lugar nessa luta.

    The Unruly Generation: Eu fiquei dizendo que todos tinham chance de vencer,porém agora irei mudar meu discurso. Eles não tem chance. Na verdade,MVP não tem chance de ganhar nada na vida. Sabe porque? Porque ele acha que tudo é uma piada,tudo é uma brincadeira. Tenho um pouco de pena pela Elizabeth por ter um parceiro como ele,já que ela me parece uma garota talentosa e que poderia ter futuro se não tivesse ao lado desse imbecil. Só que a decisão foi dela de fazer uma tag com ele,então agora ela que se resolva com esse problema.

    British Airlines: Sem duvida nenhuma os oponentes mais habilidosos que a Black Heart Conviction poderá ter. Muita gente diz que eles estão apagados e tal,mas isso me parece na verdade uma estratégia…Eles estão quietos,fazendo o seu trabalho e vencendo as suas lutas,e esse tipo de gente é perigoso de se enfrentar. Muito perigoso,na verdade. Gabriel foi o único dessa luta que conseguiu me derrotar nesses últimos tempos,e estou de olho nele…

    Nightmare Knockout Connection: Os mais perigosos dessa luta,porém também os mais instáveis. Mais perigosos não porque são necessariamente os mais habilidosos,mas sim porque combinam a habilidade que tem com as táticas sujas e normalmente conseguem se sair bem com isso. São os únicos que estão ventando pros quatro cantos que serão campeões e que os outros são muito fracos para eles. Mas é isso,estão prometendo muito e não vão entregar nada. Uma pena pra eles.

    Estão preparados para um show? Pois é isso que nós iremos proporcionar para todos…E não só isso,mas também iremos ganhar os Tag Team Titles e calar os idiotas. Até porque,eu pelo menos não dou show para perder.

    ENOUGH IS ENOUGH AND IT’S TIME FOR THE BLACK HEART CONVICTION TO BE THE TAG TEAM CHAMPIONS OF THE WORLD

    • "That Young Knockout Artist" Raymond Murphy

      Você tem razão no que diz, porém não na parte que fala em que será campeão, mas sim na parte em que você fala que a minha dupla é perigosa, é verdade isso, nós somos perigosos, perigosos até demais para tu e tua pequena dupla aguentar. Você não entende no que se está metendo amigo, você não está entendendo o que acontecerá na Wrestlemania, não será apenas um combate de duplas, será uma guerra amigo, uma guerra em que tu e o teu parceiro não sobreviverão. Nós podemos ser instáveis, mas dois homens perigosos com o mesmo objetivo tornam-se dois homens completamente indestrutíveis, homens esses que vocês não serão capazes de lidar. Eu sou o melhor lutador atual e Huber é o melhor brawler atual, o que faz de nós a combinação perfeita, mas não fica só por aí, nós possuímos inteligência, inteligência essa que nos deu enúmeras vitórias, Domingo será mais uma dessas noites.

      I CONCUSS WITH ELBOWS AND KNOCKOUT WITH ELBOWS!

      • "The Man with a Black Heart" Leonardo Felix

        Por sabermos que são a dupla mais perigosa e por termos noção da guerra que será para ganhar esses Tag Team Titles é que nós seremos os últimos de pé após tudo isso. Não estamos indo para essa luta sem saber no que estamos nos metendo. Estamos preparados para qualquer coisa,não importa de quem,não importa quando.

        Vocês podem ser muito bons quando lutam com o mesmo objetivo,mas vamos mostrar que a técnica,a rapidez e a nossa inteligência pode vencer da brutalidade e da inteligência de vocês. A combinação perfeita será aquela que sair da arena com o título…Vamos ver se suas palavras se cumprirão ou se serão as minhas.

  3. "That Young Knockout Artist" Raymond Murphy

    Após dois meses de altos e baixos, eu, Raymond Murphy, vou voltar à gloria, eu vou voltar à alta após todos estes meses sendo desrespeitado por estes vermes, a audiência patética da UWF, me desrespeitando por ter posto vago o meu título.Eu irei dedicar o título aos fãs patéticos da UWF, aqueles vermes que me odeiam por eu ser superior a cada um deles, por não ser fraco como eles. Mas eles terão que me aguentar, a mim e ao meu parceiro, eles terão que aguentar nosso reinado de terror, nós iremos reinar nesta empresa e cada um de vocês terão que aceitar isso. Todos vós estarão submissos ao poder na Nightmare Knokout Conection, e nenhum de vocês irá poder fazer nada. No grande palco serão coroadas novas lendas, novas estrelas, mas infelizmente, será no grande palco, que veremos o fim de carreira de 8 pobres almas, que entraram no ringue, convictos de uma vitória, mas ao invés, viram suas almas serem destruidas por dois homens com um só objetivo: ter ouro em sua cintura. Esse título possuí um grande legado, e homens como Valugi Barros, Felix, Jho e Gabriel Hardy manchariam esse grande título, o único homem capaz de dar valor e fazer desse título algo importante sou eu, que acompanhado pelo meu parceiro somos a combinação perfeita de força e técnica. Dentro daquele ringue, o que vai contar verdadeiramente é a tag mais capaz de sobreviver aquele tempo todo até à última tag chegar, e não só eu e meu parceiro somos a tag mais capaz de sobreviver a uma situação dessas, como temos a capacidade de desgastar ainda as outras tags e de forma clara, eliminá-las. Pode vir qualquer um, pode vir aquele manager idiota Bill Connor, pode vir qualquer um que irá ser posteriormente abatido por uma força superior, um ano atrás poucos de vocês sequer estavam aqui, e eu vou fazer que depois deste combate, nenhum de você volte a estar presente aqui outra vez neste glorioso ringue. Um ano atrás eu sai daquele ringue com uma vitória, e este ano voltarei a sair daquele ringue com uma vitória, mas desta vez sairei com algo mais, eu sairei com algo em minha cintura: O TT Championship. Todo este tempo que estive nesta empresa e uma grande oportunidade finalmente surge, e eu não vou deixar essa oportunidade fugir, não vou deixar essa oportunidade passar de novo, eu não voltarei a falhar, tenha que fazer qualquer coisa assim eu o farei, mas tenho a certeza de que sairei com algo em minhas mãos. Esse título está destinado a ser da NKC, esse título só pode ser possuído por nós, esse título tem que ser nosso!

    I CONCUSS WITH KICKS AND KNOCKOUT WITH ELBOWS!

    • "The Man with a Black Heart" Leonardo Felix

      Não é dessa vez que voltará a glória…Na verdade,esse tempo nunca voltará para alguém como você,que se acha superior a tudo e gosta de desprezar os outros só pra se sentir melhor quando a verdade tenta sempre te mostrar o lixo que é. Ninguém vai ter que te aguentar falando um monte de besteiras por meses porque não colocará essas mãos nos Tag Team Titles. Verá o início da reconstrução da minha história e o fim apenas da sua. Ninguém quer e ninguém aguenta mais ver imbecis como você sendo alguma coisa,porque vocês não tem respeito por nada e estão sempre usando de táticas sujas para vencer quando percebem que não há outra saída. Vai dar valor ao título do mesmo jeito que fez com o Intercontinental Title? Não,obrigado,ninguém precisa de alguém que continua cometendo os mesmos erros e que tem a mesma atitude desde sempre.

      Vocês não tem ideia do que os espera caso cheguem ao final,e posso te garantir que não será o belt…É algo um pouco pior,eu acho. Apenas acho.
      Ano passado nesse mesmo evento eramos parceiros e fizemos parte do começo de uma era,vencemos e mudamos a história…Pois eu farei isso novamente e mostrarei o quanto isso é prazeroso. Estou preparado para qualquer coisa e para fazer o que for preciso. Dane-se a ordem quando eu estiver naquele ringue,dane-se ser certinho durante aquela luta. Eu quero simplesmente vencer. E farei isso,nem que tenha de trazer o maluquice e o modo doentio de pensar do meu antigo eu.

  4. Its time for WRESTLEMANIAAAAAA

    Pois é, finalmente a segunda edição do PPV que sempre quis lutar desde que soube que existia. Todo o roster lutou pra ter uma chance de aparecer na Wrestlemania, mas só os melhores e o Tomyer conseguiram. Lutas importantes, algumas inúteis mas tamos aí. Vamos a uma breve análise do show.

    Match #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen

    A luta mais desnecessária da Wrestlemania. Duas consideradas lendas que não tiveram habilidade de conseguir title shot e tiveram que, aposto eu, simular uma treta pra não ficarem de fora. Pelo menos é Street Fight. O ex-gordo vs o atual gordo promete ser um combate bem violento e com sangue jorrando pela arena. Pra mim o atual gordo vence porque ele manja mais dos paranauê dos Hardcore.

    Match #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke

    ” Mas MVP, você pulou uma” Eu sei, é que eu vou deixar o melhor pro final. Ou pra outra promo. Enfim, esses dois vão brigar dentro de uma brutal estrutura pelo título que me aguarda. Tecnicamente eles vão brigar pra ver quem vai ser meu guardador de título. Mas enfim, espero que tenham dignidade e façam um bom combate. Na minha opinião Super Cody vence mas vai ser uma lua dura…

    Match #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian

    Lets Go Jomo!!! Pedro Sucks!!! Finalmente Jomo recebe sua title shot. Espero que desta vez o Christian não traia alguém ou o Pedro use o Caio. Jomo vai levar essa e conquistar um tão merecido título. Desde que entrei disse que ele merecia, acho pouco ainda, quem sabe um UWF championship no futuro…

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler

    A bicha que é tão bipolar que não sabe qual cor deixar o cabelo contra o cara que se acha gostosão. Bom, Perfecto é muito melhor que o Tomyer, mas o Tomyer foi salve pela estipulação mais Kamikaze da história. A luta que mesmo tomando muita porrada ele pode dar uma cagada mítica e vencer a luta. Mas se não der zebra Ziggy vence.

    Main Event: Three Stages of Hell for UWF World Heavyweight Championship (1º Fall – Steel Cage / 2º Fall – No Holds Barred / 3º Fall – I Quit Match) – “The Last Real Man in Pro-Wrestling” Luiz Tanaka © vs. “The Death Machine” and Royal Rumble Winner Stuart Sanders

    And its the main event time! O Deus e quase imbatível sneão imortal, Tanaka vs O cara que fez o Deus soltar aquele peidinho molhado de medo e derroutou 27 homes, a Daena e o Hardy no Royal Rumble, Stuart Sanders. E pra melhorar a situação, eles terão que bater seu adversário três vezes em três estipulações diferentes. Pra começar uma luta na jaula aberta, quem fugir ganha, meu palpite é Tanaka. Logo depois #PartiuHardcore, No Holds Barred match que o Sanders leva porque manja dos hardcore. Pra fechar com chave de ouro a luta em que ainda não defini em quem apostar, I quit. É também uma luta Hardcore mas eu não lembro de ter visto o Tanaka desistir de uma luta, muito menos pelo título.

    • Eu ia querer title shot ao quê? UWF belt que voltou a ser uma reles piada? IC belt que só tinha o respeito de quem o respeitava, porque as outras pessoas agiam como se não existisse? Ou vai ver são os famigerados TT belts, claro, essa coisa que já foi desativada porque ninguém mais queria saber,cujo os belts foram buscar lá no lixão… e que provavelmente daqui quatro meses some de novo.

      Não Obrigado, prefiro um bom e velho duelo baseado no puro e velho ódio entre pessoas, não preciso de incentivo para fazer um combate melhor que o seu do que a vontade de bater em alguém até não sobrar nada mais que um escondidinho de carne escroto.

      Acredite, lutar apenas para ver o sangue no olhos do inimigo vale mais do que ficar brincando de cabo de guerra por um enfeite.

      Esteja preparado pois ai vem a dor.

    • Obrigado pelo apoio MVP, farei de tudo para vencer o titulo. Boa sorte na sua luta também…

  5. "That Young Knockout Artist" Raymond Murphy

    Match #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen : Há alguma dúvida nessa situação? Steen é forte, pode não vir da sua melhor série nos últimos PPV, mas se há homem que se torna perigoso com uma estipulação destas é, Steen. Jack pode ter sido contender ao WHC no último PPV, mas não o vejo a ser capaz de vencer o Steen. Vitória de Steen num combate que deve ser sangrento.

    Match #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke : Mas que grandioso combate que nós temos! Dois grandes lutadores, um grande combate, mas desde já quero apontar minha vitória ai para o cara carismático, Cody Clarke. Esse homem tem tudo para consagrar nessa empresa, ele tem o talento, ele tem os fãs e acima de tudo tem o cérebro suficientemente bom para se consagrar nesta empresa. Já o Nolan, meu grande amigo Nolan, ele tem estado bastante melhor desde a última vez que falamos, finalmente deixou de dar importância aos vermes ridículos que é a crowd da UWF. Prevejo aqui o final da guerra entre ambos, e prevejo uma vitória do Clarke para o Nolan ir para voos maiores como o UWF Title.

    Match #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian : Parece que estamos no Extreme Rules com estipulações em todas estas estipulações, nem nenhum de combate de Wrestling puro. Pedro tem andado igual a si mesmo, traiçoeiro que nem uma raposa, mas sempre perspicaz, ele foi homem o suficiente para me vencer com ajuda desse cara aí o Dudu no PPV passado, contudo ele não irá escapar dessa ileso. Jomo está BEM FRACO, está bastante apagado ao meu ver e decaiu imenso desde um mês para cá, enquanto que o Christian, é um veterano desta empresa, penso que está na hora de ele ter sua oportunidade, nada contra os outros, mas minhas fichas estão em Christian.

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler : Tenho que admitir, mesmo Tomyer sendo um idiota, ele é sim, um grande lutador, ele está a ter sua nova chance e pode provar que nem tudo o que ele faz é “Sleep Eat Cry Repeat” , ele tem a chance de provar que não é um fracasso, mas para isso ele terá que vencer o Perfecto, homem este que deve ser dos mais desvalorizados da história desta companhia, tal e qual o Christian, espero que ele agarre bem a oportunidade, que ele pode ter sua oportunidade de ouro. Minha aposta vai para o Perfecto.

    • A tristeza é que você está mau informado, já bati no javali pseudo hardcore três vezes, nunca perdi para o metidão, e não irá ser na WM que tal regra será quebrada.

      • "That Young Knockout Artist" Raymond Murphy

        Se você fica contente por eu dizer que você irá ganhar então pronto, você irá ganhar, satisfeito?

      • Não, ainda vou te bater nos backstages igual, não adianta pedir arrego não.

  6. Match #2: Tag Team Turmoil for UWF World Tag Team Championship – The Unruly Generation (Mike Von Pryer & Elizabeth Baddrock – Número #2) vs. The British Airlines (Valugi Barros & Gabriel Hardy – Número #3) vs. Black Hearth Conviction (JhoBarrage & Leonardo Felix – Número #5) vs. Nightmare Knockout Connection (Raymond Murphy & Huber Lee – Número #4) vs. The Beauty & The Beast (A.B. & Daena – Número #1)

    Então, depois de mais ou menos um mês chega nosso momento tão esperado. Eu e Besty lutamos bravamente, treinamos e conseguimos um perceptível evolução. Como já era de se esperar, muitos estão falando que todos tem chance menos a Unruly Generation porque eu sou uma piada, não levo a sério e sou um peso morto nas costas da Besty. Eu particularmente gosto disso. Principalmente porque é legal ver a cara das pessoas quando eu mostrar a elas que sim, eu posso ganhar títulos nesta empresa. Legal também é que todos falam que eu devia levar mais a sério e que a vida não é uma brincadeira. Mas, porque não juntar um trabalho com brincadeiras? Vão perguntar pra Besty e pro Bill, nos treinos a gente treina duro mas também temos nosso momento de relaxamento e descontração. Eu simplesmente acho que não vale a pena ficar me dedicando a fazer meu trabalho seriamente sempre de cara amarrada e tal, eu venho evoluindo bastante e por coincidência ou não, começou quando eu comecei a misturar ambos. Infelizmente, teremos muito trabalho, começaremos a luta e iremos ficar cansados com o tempo. Mas o cansaço não irá nos atrapalhar, treinamos muito duro pra deixarmos nos levar pelo cansaço. Íamos pra academia de madrugada, corríamos no Sol, treinávamos de baixo de chuva, uma vez treinei sem camisa na neve. Besty já disse que não quer ficar junta caso fracassemos, mas eu conversei com ela e não iremos desistir dessa luta. Iremos começar pelos nossos fregueses. ABaleia e Daena já perderam pra nós, não será diferente. Depois deles teremos a British Airlines. O espertão e o aspirador de pó como já disse, serão talvez os mais difíceis. Mas nada que a Unruly Generation não dê conta. avançar. Aí o bicho vai pegar. Não tenho medo deles, mas eles tem força, só força, e como estaremos cansados, não será fácil. Mas com uma coisa que eles não tem chamada habilidade, venceremos. O cansaço vai começar a afetar muito e virão o Gato Félix e o Jho. Perdemos pra eles uma vez mas foi porque nos boicotaram e tínhamos treinado pra enfrentar a Daena e o ABabaca. Desta vez estudamos todos nossos adversários e não teremos boicote. Bom, voltando a falar deles, acho que não será fácil mas com nossa garra e dedicação iremos conquistar nosso tão desejado título. Anotem, UNRULY GENERATION VÃO MITAR

    YOUR NEXT TAG TEAM CHAMPION

    THE MITO

    MIKE VON PYER

    MVP

    • Esqueçam a parte sublinhada, foi sem querer. Era pra ser assim:

      Gato Félix e o Jho. Perdemos pra eles uma vez mas foi porque nos boicotaram e tínhamos treinado pra enfrentar a Daena e o ABabaca. Desta vez estudamos todos nossos adversários e não teremos boicote. Bom, voltando a falar deles, acho que não será fácil mas com nossa garra e dedicação iremos conquistar nosso tão desejado título. Anotem, UNRULY GENERATION VÃO MITAR

    • "The Man with a Black Heart" Leonardo Felix

      Eu entendi o seu lado e é interessante perceber que quer se divertir e brincar num negócio como o Wrestling…Mas,bom,não estou aqui pra julgar ninguém,você faz o que quiser da vida. A questão é que você sabe ser sério e agir dessa forma quando necessário? Não é o que parece,e é isso que tem de provar para as outras pessoas.
      Você não precisa nem ganhar a luta para ganhar o meu respeito…Elimine 2 tag teams e terá provado pra mim que tem condições de fazer as coisas seriamente quando necessário. Já derrotei a Unruly Generation uma vez e se preciso for farei mais uma vez e quantas vezes forem necessárias.

  7. Sanders, chegou o dia. As trombetas tocaram e alertaram que você deveria desistir. Apenas duas cornetas estão cogitadas para o momento, o apocalipse chegará para você, Stu. Saiba que todo esse Road to Wrestlemania serviu para lhe alertar que estava entrando em uma furada. Não há mais retorno! Sua última chance foi no RAW is WAR, você me atacou, perdeu a cabeça após dizer que não me atacaria.

    Não vou tratar minha vitória de amanhã como minhas outras vitórias. Afinal, tudo é inexpressivo a partir de agora. Vamos chamar tudo da vitória de minha vida. A VITÓRIA da carreira de Luiz Tanaka. E o melhor de tudo será ver todo o Metlife Stadium me xingando como se não houvesse amanhã. Lembra de nosso papo de reconhecimento? É tudo que quero.

    Ao fim do dia, seja para quem o apocalipse esteja voltado, Luiz Tanaka será o único tópico comentado. Será mesmo que somos duas lendas nisso daqui? A minha derrota, como gigante, repercutiria muito mais do que a vitória dessa “lenda”. Você desonra um significado tão significante. E quando seu legado vier e terminar, quero o SEU reconhecimento, de que eu sou uma lenda e que você não pode ser nada além de “algo inventado”. Você tem tempo de empresa e, nesse tempo, eu tenho realizações. Eu fiz tudo e mais um pouco que esteve ao meu alcance e você, mesmo sendo o homem que me colocou aqui, sempre foi minha sombra. É de dar uma dor no coração saber que o homem que um dia você deu uma oportunidade puxou seu tapete.

    Seu reconhecimento não precisa vir dentro de um ringue. Reúna sua família, que existe. Junte-os em uma sala de reuniões e diga que sua carreira foi encerrada por alguém superior, alguém que não tem qualquer valor humano admirável e que tem um ego maior que a própria língua. Quero que você admita que jamais será Luiz Tanaka e que jamais fez minha carreira ou fez algum de meus feitos. Após isso, venha até a mim no primeiro show pós-Wrestlemania e me diga “Obrigado por encerrar essa farsa e por me mostrar que sou uma alma perdida nesse mundo, sem propósitos e que nunca fez nada de destaque. Você é meu Deus, meu superior, o World Heavyweight Champion que é a figura de como um humano digno deve ser”. Não importa quem você derrotou, você não me venceu. Não importa se você foi World Heavyweight Champion, eu fui e tive um reinado maior. E com o UWF Championship também! Prepare seu epitáfio com um belo “Stuart Sanders – O homem que foi forçado a se afastar do Pro-Wrestling por causa de Luiz Tanaka”.

    Você é estúpido até demais! Vamos observar todo o panorama da rivalidade. Você saiu de uma cova, de um anonimato do inferno. Subiu e caiu dentro da jaula com o leão. Tudo isso para voltar em uma maca para o anonimato. A sua desvantagem chega a impressionar. Para você, é fora de cogitação perder, mesmo com uma derrota tão evidente. Mesmo que você não lute pelos fãs, você será a representação de 60, 70, 80 mil pessoas que querem me ver perdendo. Sanders, de alma ferida, entra em um ringue para se matar e, como consequência, agradar ou desagradar o povo. Nenhum deles vai te visitar no hospital, conforme-se com isso.

    Inicie seu mártir profissional! Enquanto o público pode estar dormindo, se preparando para tudo, estou eu de olhos abertos para tudo. Trapacear pode ser uma consequência. A vitória é a única coisa que importa em uma guerra. O modo como você vence pode ser questionado pela crítica, mas isso não lhe tira a vitória. Como todo mártir, um dia você será varrido para debaixo do tapete e eventualmente você será esquecido. Adeus Sanders, iniciou-se a contagem regressiva para você ir ao verdadeiro inferno.

    Sou Luiz Tanaka, o epítome do sucesso, o maior e único homem real que já passou aqui pela empresa. Esgotei as bilheterias da Wrestlemania por si só, duas vezes. Lotei arenas zilhares de vezes e minha Wrestlemania será somente a confirmação que a minha verdade é a verdade do mundo.

    Este é o meu corpo que será entregue a vós. Do mesmo modo, ao fim do show, ele tomou o cinturão em suas mãos, deu graças novamente e o guardou, pois nenhum discípulo é digno de ter alguma parte do que é a história da UWF, o sangue da nova e eterna geração. Vamos, me saudem, fazei isto em memória de mim!

  8. Match #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen
    – Se eu pouco entendo de logística, o card foi montado de uma forma muito ruim. Um show jamais pode ser aberto com algo tão ruim. De certo modo, eu sinto uma dor no coração por ter que dizer isso, mas não é curioso que os dois tenham sido meus últimos adversários pelo World Heavyweight Championship? Antigamente eles eram chamados de possíveis homens que poderiam tirar meu cinturão, hoje são os renegados. Viu Sanders? Já comentei que Violence Jack já começa sendo escroto pelo nome. Pelo bem da carreira de Steen, sua vitória é evidente. Ainda mais com uma estipulação como uma Street Fight Match, que já deixa meio caminho andado.

    Match #2: Tag Team Turmoil for UWF World Tag Team Championship – The Unruly Generation vs. The British Airlines vs. Black Hearth Conviction vs. Nightmare Knockout Connection vs. The Beauty & The Beast
    – Para quem não tinha uma Tag Team Division, vejo que um bom trabalho foi feito aqui. Em uma avaliação individual, posso indicar algumas furadas. As equipes Intergender se perdem por causa de Daena e de MVP. Duas personalidades deploráveis unidas com quem tem algum futuro. Uma balança só se equilibra com pesos iguais. Valugi e Gabriel eram minha maior esperança para essa divisão, mas sinceramente eu não vejo mais tanta coisa neles, principalmente no Valugi que foi minha maior decepção. De vez em quanto o Hardy me manda umas farpas, mas se perde em argumentos falhos. Jho e Félix juntos? É quase que um pedido formal de saída da empresa em conjunto. Pessoas extremamente limitadas! Para mim, a Nightmare Knockout Connection entra como favorita pelo simples fato de ter sido a única equipe que vi futuro. Raymond é prova dos elogios que depositei quando eles ainda não haviam oficializado nada. Huber Lee merece esse cinturão mais do que tudo.

    Match #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke
    – Olha a evolução! Tempos atrás eu estaria xingando muito esses dois nomes. Dean Nolan simplesmente morreu depois de enfrentar Luiz Tanaka. Ele falava tão depressivamente que eu suspeitava que ele cometeria o suicídio. E Clarke estava no ramo errado. Meses depois, após defender Clarke daquele ataque COVARDE de Dean Nolan (com palavras), eles se enfrentam em algo com história recente e bem elaborada. Nolan, pra mim, tem uma criatividade bastante limitada, ao contrário de Cody Clarke, que se reinventou. Que bom que não veremos um “Homem que Perdeu para Tanaka vs. Homem que Perdeu para Nagata”. Clarke leva essa.

    Match #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian
    – Temos um campeão que é uma cópia infiel e mal feita pra caramba! Em uma estipulação confusa, veremos a coroação de um rebelde ou um chorão. Infelizmente Dudu Rebelde não tem respeito nem sem um cinturão, quanto mais com um dele. Portanto vejo ele correndo por fora. Christian, apesar de tudo, ainda me parece a pessoa capaz de derrotar Jason. Espero que eu não esteja errado.

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler
    – Dois homens que não conseguem me vencer e sempre reclamam por isso. Tomyer é uma bela fonte de choradeira e teorias da conspiração. Infelizmente ele não tem um foco na carreira. Ele atira no escuro para ver se recebe atenção. Mas nem Daena é suficiente! Quando Tomyer aprender a ser um lutador, ele conseguirá o UWF Championship. Perfecto aprendeu e ganha, somente.

  9. gabrielhardy

    Eu provei, provei para todos aqui, todos, quem sou eu e qual é o meu valor, vocês não precisam mais de mim, mas eu vou dar mais, dar mais motivos para vocês repensarem seus conceitos, hoje vocês todos sabem, eu não sou mais um, eu dei duro e muito duro, passei por coisas que vocês nem acreditam, todos os empecilhos que apareceram em minha vida, eu passei por eles, agora eles vão se encerrando, e então vai chegando meus momentos de glória, agora vocês sabem que eu não estou para brincadeira, nunca estive, mas melhor agora eu sei quem sou eu, não tenho mais minhas dúvidas, esse sou eu, e ele irá continuar assim, para sempre. THIS IS GABRIEL HARDY!!

    Gabriel Hardy e Valugi Barros, British Airlines, valeu Valugi, por toda a ajuda nos treinamentos, fiz um bom amigo, mas agora chegou o dia, o nosso dia, vamos fazer que todos britânicos que peguem um avião, façam uma brincadeira com nosso nome, vamos nos tornar lembrados, nos tornar um ícone, um exemplo nessa divisão. Não tem mais a Hardcore Perfection ou a OMTP agora tem a British Airlines, a tag mais diferente, mas a mais entrosada da UWF. THIS IS BRITISH AIRLINES!!

    A.B. e Daena, os que se saíram por baixo no começo, mas no último Raw is War, equilibraram ainda mais as coisas, apesar de não irem tão bem juntos, individualmente são de muita qualidade, não sei o que esperar da The Beauty and The Beast, mesmo sendo os primeiros. Betsy e MVP, Bill parece estar deixando a Betsy um pouco chateada, com seus ‘’bons’’ conselhos para o MVP, mas sinceramente, estão muito bem, Bill estraga MVP, que estraga a Tag. Murphy e Huber Lee, não se dão bem, não se gostam, não mostraram nada de mais juntos, mas sozinhos, são bons, isso os deixa na posição de favoritos mas tudo pode acontecer, assim como um dos dois não aparecer, ou serem eliminados precocemente. Jho e Felix, lutei contra ambos, um venci, que foi Felix, não creio que ele possa surpreender, já Jho, não parece Jho, por isso, ele é o ponto forte dessa tag, tivemos uma grande luta, espero que isso se repita, com vantagem por serem os últimos.

    • Falhas absurdamente em temer apenas um de nós, Hardy. Somos uma dupla, a fase dele não é boa, nem a minha, estamos na mesma, se vencermos será graças aos dois, se perdemos, a mesma coisa, não têm peso para um lado, nem para o meu nem para o dele. Se o subestima, me subestima. Se teme a mim, tem que temer a ele também.

      • gabrielhardy

        Temo aos dois em conjunto, eu respeito Felix, mas após nossa luta, sei plenamente do que ele é capaz, e não acredito que em menos de uma semana ele mude tudo o que sempre fez, e não ,eu não preciso temer a um, e temer a outro, eu o temo pois não sei o que posso esperar, mas de Felix eu sei, e não grande coisa.

      • Não, não sabe. Tens realmente certeza que ele deu 100% naquela luta? Sabe se eu dei meu 100% no RIW? Uma coisa que eu aprendi é nunca esperar algo de seu adversário, achar que o conhece e sim esperar que ele faça algo a mais e estar preparado para isso.

    • "That Young Knockout Artist" Raymond Murphy

      Por nós não nos dar-mos bem não significa que nós não vamos vencer, nós somos dois homens com um só objetivo, ressuscitar essa divisão maldita e sermos campeões por muito muito tempo. Eu não gosto do Huber, mas ele é parceiro ideal para me complementar, seu estilo é físico, é duro, e eu gosto desse estilo, ele é o parceiro perfeito, ele tem o que é preciso para sobreviver num combate destes, tal como eu. Quanto eu entrar Hardy, pode é ser você que já nem está no ringue, cuidado com a escolha de palavras rapaz.

      • gabrielhardy

        Muito pelo contrário, como eu disse, vocês são os favoritos, mas sem essa sintonia, e essa confiança, pode ser que vocês se percam na metade do caminho. Vocês dois são incríveis sozinhos, mas como tag, não são tão assim, porque será? Talvez seja pelo fato de, bom você já sabe, e eu não vou desistir por pouco, eu vou longe nessa luta.

    • "The Man with a Black Heart" Leonardo Felix

      Me derrotou 1 vez e já acha que está garantido para o resto da vida contra mim? Não é assim que as coisas funcionam por aqui,garoto. Um dia você ganha,no outro você perde. E é isso que vai acontecer com você. Sai falando um monte de besteiras sobre mim e acha que saíra ileso? Se você tiver a chance de me enfrentar,eu vou te mostrar quem não pode surpreender. Não existe ponto forte nem ponto fraco na Black Heart Conviction. Quando um erra,ambos erram. E quando um acerta,ambos acertam.
      Parece que tem muita gente querendo lições minhas,hein? Acho que vou virar professor de universidade no dia que minha carreira acabar,dá pra ganhar muito dinheiro com isso também.

      • gabrielhardy

        Eu não estou garantido pelo resto da vida com você, mas eu sei do que é capaz, e não vai mudar muito até a Wrestlemania, você vai continuar o mesmo que eu venci, mas daqui um mês, você pode evoluir, e me vencer, afinal esse é o nosso mundo. Eu realmente não quero lhe enfrentar, queria algo mais desafiador, mas bom, acho que é bem provável que nós podemos nos encontrar nessa luta, e então você pode me surpreender, que eu vou aplaudi-lo, e te dar os parabéns.

  10. gabrielhardy

    Match #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen:
    Provavelmente estão ali por um dos dois motivos. Primeiro: Não cabia mais uma dupla no Banner da Tag Turmoil. Segundo: Eles podem mostrar o que é a UWF e toda sua história. Dois grande campeões, mas atualmente, duas decepções, a feud, bom não teve feud, fica tudo para a o ring, onde eles dominam, e prometem um show de wrestling.

    Match #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke:
    Finalmente, Clarke tem sua grande chance, oh. Chegou com a maleta, deixando todos curiosos, no fim, apenas deixou Nolan desesperado, mas agora, o desespero dele finalmente chegou, e é Clarke. Espero na mudança de mãos do cinturão, quem sabe um dia eu possa enfrentar o Clarke, se ele vencer, é claro.

    Match #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian:
    Será que faltou Caio Almeida? NÃO. Pedro parece que finalmente acordou pro cinturão, e fez uma boa feud como todos eles. Christian deixou Jomo com muita vontade, coisa que faltava nele, bom não falta mais, mas Christian merece mais do que ninguém vencer isso, e espero que ele vença, e não nos decepcione.

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler:
    Você precisa de alguém para perder e depois chorar, mesmo nem merecendo esta chance? Ligue 0800 TOMYER. Perfecto vence, ele merecia, mesmo com o Rob, agora então. Tomyer não é ruim, mas ele já teve muitas chances, por isso acho que todos do UWF Universe, devem mudar seus pensamentos, existem os novos, não que os ‘’velhos’’ sejam ruins, eles com certeza não são, mas existem outros. Espero que dêem uma erguida nesse cinturão, pois ele precisa.

    Main Event: Three Stages of Hell for UWF World Heavyweight Championship (1º Fall – Steel Cage / 2º Fall – No Holds Barred / 3º Fall – I Quit Match) – “The Last Real Man in Pro-Wrestling” Luiz Tanaka © vs. “The Death Machine” and Royal Rumble Winner Stuart Sanders:
    E chegamos, mas por incrível que pareça, o que todos queriam ver, acabou ficando meio chato. Começou pegando fogo(Lockwood não curtiu isso) toda aquela feud, parecia que realmente iria terminar em morte, mas nos últimos dias, deixou a desejar, mas não deixa, de ser a luta mais esperada de todas, o grande show, quem é O MELHOR? Sei que irão dar um show.

    • Minha única decepção é ter que escutar você achando que pode falar algo da minha carreira, mas esses são os tempos atuais do UWF, tão pouca gente se arrisca por aqui, pois o lugar é tão perigos que somente suicidas sem noção igual a ti se arriscam a entrar pro roster.

      Passe mais dois meses ao menos vivo, e quem sabe eu possa te levar a sério como crítico.

      • gabrielhardy

        Quer saber? Daqui a dois meses eu vou estar aqui, e te mostrar que sou sem noção, isso não vai continuar assim, isso vai mudar, tudo, não serão mais os mesmos, serão os novos que irão tornar isso maior ainda, mas se você não é uma decepção, porque não está em algo maior? gostaria de saber, já que teve chances para isso.

    • Não me considero uma decepção, muito pelo contrário, tive as chances de estar em posição melhor no card e não aproveitei, mas isso não faz de mim uma decepção, faz de mim alguém que respeita quem batalha por uma chance de ser alguém, assim como você. Sua mentalidade é fraca e clichê, mas tudo bem, continue me achando uma decepção se quiser, eu não penso o mesmo de você pois tu nunca foi algo, não tem como afundar mais.

      • gabrielhardy

        Tecnicamente, isso faz sim você de uma decepção, afinal, esperavam coisas boas de você, como UWF Champion, mas você não conseguiu, deixando todos os seus fãs decepcionados, o que torna você uma decepção. Pode ser que o clichê possa estar certo algumas vezes, apesar de eu não gostar, é a vida, minha história começa nessa Wrestlemania.

  11. 1 dia, a contagem está acabando para o dia mais importante da minha carreira, o dia em que a maior glória acontecerá, na WRESTLEMANIA II. Eu trabalhei meses, retornei no Royal Rumble, trabalhei muito para sair da Alemanha como campeão, e no NWO saí como coadjuvante. E após estas semanas de falhas, erros e tentativas de acertos, tenho outra chance, eu não sei se eu falhar mais uma vez, eu continuarei aqui, ou no mundo do Wrestling mas sei que QUANDO eu sair da MetLife com meu partner e os dois com o cinturão de bronze nas mãos, será o momento de redenção para nós dois. Eu o escolhi por isso, nenhum de nós podemos falhar, nenhum de nós pode cometer sequer um mísero erro e recomeçar nossas carreiras, unidos, e com um propósito. Vocês não enfrentarão Jho Barrage e Leonardo Félix, enfrentarão o homem do coração que pulsa apenas por duas razões: A família e o Wreslting; e o homem do coração negro. Nos parar? Podem tentar, podem se arriscar, mas conseguir? TERÃO QUE NOS MATAR PARA ISSO! Porque nenhum de nós aceitaremos sair de lá de mãos vazias! KICK ON HIS FACES AND HEADS ON THE FLOOR!

    A.B. & Daena: são uma dupla que eu realmente não consigo ter uma idéia, uma base, algo para estudar porque são imprevisíveis de todas as maneiras, como foram no último Raw is War e é a única que não estarei preparado para enfrentar e é uma das duas que eu temo.
    Murphy & Huber: Eu poderia fazer como eles fazem, subestimar, dizer que não são nada e não me preocupam, mas preocupam sim, mas não me fazem realmente temê-los. Sei do que Huber é capaz, já dividi o ringue com ele e tive um grande sacrifício físico, mas, com Raymond, que não é inteligente, mas perigoso, fica difícil ter uma ideia. Problemas eles darão, principalmente se chegarem a ‘ultima fase’ da luta.
    MVP & Elizabeth: Preciso falar deles? Ou, na verdade, exclusivamente do MVP? Que não se dá ao respeito de ao menos dizer nossos nomes corretamente, de dizer um parágrafo sem um palavrão ou uma piada. Eu não gosto de insultos, mas a verdadeira piada aqui é você. Aproveite o seu Wrestlemania Moment, ele durará menos que um orgasmo.
    Hardy & Valugi: SÃO a tag que eu temo, porque eles são os únicos que tem mais sede que nós por este cinturão, Hardy é alguém jovem, que quer mais que tudo ter os holofotes para si, mas ao contrário de alguns, tenta isso trabalhando duro, dando cada pedaço de si em cada luta, como nós dois fizemos noite passada e por isso ele e Valugi merecem isso, porque trabalham duro. Eles merecem, sim, mas não mais que eu e Félix, e isso sim fará a diferença.

    OLÉ

    • "That Young Knockout Artist" Raymond Murphy

      Se tu fosse como nós, tu estaria destinado a grandeza, mas invés, preferes ser igual a cada um deles, um pobre falhado, um homem que nunca ganhou um Título ou um combate em PPV. Nós somos exemplos de como uma Tag deveria ser, força, técnica, nocautes e destruição, a melhor combinação possível. Entenda, você é apenas uma pequena mosca a zumbir para nós, uma mosca essa que anda e anda por bastante tempo mas que no final irá ser caça e finalmente abatida. Você deve nos temer, você nos deve temer porque ao contrário de vós, nós não temos fraquezas, nós somos focados e superiores a cada um de vós. Eu sou a pessoa mais inteligente que já passou por essa empresa, eu já venci o Sanders com minhas próprias táticas, já venci o Tomyer com minhas próprias tática e já venci o vosso campeão Jason com minhas próprias táticas, 2 VEZES! Isso não só bate todos os nomes que você possa ter vencido Jho, mas também prova que no quesito de tática de combate, eu sou bem superior a você, só para ter uma ideia.

      • Nunca ganhei, porque ao contrário de você nunca ganhei nada de graça, tudo foi com trabalho, sangue e suor e não prejudicando ou passando por cima dos outros. Sim, aqui é como a salva e a lei do mais forte e mais esperto prevalece, mas eu e Félix estamos aqui para provar que podemos chegar longe com os próprios méritos. Perdemos ontem? Irei atrás e tentaremos vencer, nunca desistir e buscar a redenção, além de calar ‘homens’ como você, que sempre dizem as mesmas ladainhas e acha que um IC faz de ti o ser superior e melhor pro wrestler do mundo. Ahh vocês tem fraquezas, e sabe qual é? os dois, um é o ponto fraco do outro, a desconfiança, e o modo como vocês se brigam mais do brigam com seus adversários. Os dois querem os holofotes, os dois querem ser o cara a finalizar a luta, os egos se batem e deixam vocês como meros desafiantes. Você venceu todos eles, sim, mas o que está fazendo se juntando a alguém que odeia e buscando um título que foi jogado no lixo?

  12. Novamente um Underdog nas apostas, novamente naquela posição que eu mais gosto, que é a chance de poder sair por ai após a luta rindo da cara de tanta gente fútil que sai por ai repetindo a aposta da moda só porque é mais seguro…Raios como podem imaginar Steen saindo bem dessa? É engraçado, para não dizer decepcionante, comparar a mim, alguém que já fui o pesadelo encarnado dessa empresa, com alguém que por mais que tente bancar o palhaço Hardcore sem sentimentos, sempre será o gordo sentimental do roster!

    Esteja preparado para conhecer a dor naquele ringue steen, pois para que você jamais esqueça a lição que vou lhe dar, após massacrá-lo irei entalhar nas suas costas o verdadeiro significado do que é Hardcore! Algo mais do que suas brincadeirinhas de sair batendo no adversário com a primeira coisa que vê no chão, algo mais que empilhar cadeiras e armar mesas para treinar tiro ao alvo… Não, vou te mostrar que Hardcore acima de tudo é sobre algo que eu praticamente reinventei: O terror! Ficar ferrando com a mente de seu oponente durante todo embate, jogando com seu psicológico, brindando a plateia com um conto macabro a respeito de um javali que pensou que por ter algumas prezas, tinha deixado de ser apenas um porco metido… E porcos só servem para morrer guinchando, desesperados no chão para os outros rirem.. Isso Sim é violência! Não destruir seu oponente uma única vez, mas dar-lhe uma marca no ímpeto, tatuar a palavra perdedor em sua alma para que ele para sempre sinta-se mal só de lembrar daquela noite, uma ferida que não cicatriza, sempre latejando, cobrando aquela dívida vergonhosa… Para você jamais esquecer a forma como foi humilhado.

    Isso que quero para ti Steen, acabar para sempre com teu sossego, roubar-lhe essa panca de ameaçador, depois que eu terminar de terminar de trabalhar essa sua carne gordurosa na wrestlemania, você jamais vai poder estar em paz novamente, sentir-se realizado é algo que nunca vai estará ao seu alcance, pois nossa luta será um lembrete eterno que existem pessoas muito superiores a ti, e só de pensar na derrota nessa Mania, vai sentir como se tivesse ácido de bateria lhe desgrudando as entranhas.

    Wrestlemania será sobre ensinar como se odiar, demonstrar a diferença entre o fogo de palha que é a revolta de um lutador decadente e o incêndio dos inferno que é a fúria de uma máquina silenciosa e perfeita de destruição… Será sobre Steen padecendo naquele ringue, implorando para que a tortura acabe, sobre pessoas engolindo suas palavras, sobre a essência do Hardcore e principalmente:

    Será sobre como causar dor!

    • Olha só meu caro, está na hora do fim de tudo para você, está na hora de você finalmente encontrar a paz e nos permitir estar livres de você, da poluição visual e auditiva que você causa contra todos nós, se acalme, pois o ódio não tarda e não falha, na Wrestlemania a primeira vítima será exterminada pelo algoz.

      Eu sei muito bem o que é hardcore, já lutei em tantas lutas dessas que sei como tudo funciona e não funciona, você está tentando ensinar um padre a rezar uma missa. Sabe, você nunca foi nada hardcore, hardcore não consiste em aterrorizar o adversário e sim em destruir, e isso eu faço muito bem, já fiz antes e posso fazer de novo, aqui dentro você não teve muitos combates desse naipe, já eu tive tantos que sei como tudo ocorre, mas enfim, continue com essa sua definição de hardcore completamente distorcida, logo logo você vai aprender a verdadeira definição.

      Você não vai mudar quem eu sou, eu sou o wrestling, sou algo abstrato e intocável para todos vocês, por isso irei acabar com tudo, pois sei que ninguém pode me parar, que ninguém é capaz de ir contra mim e sair por cima, meu ódio não permite misericórdia, não permite que eu tenha piedade de caras como você, então se for necessário acabar com sua carreira, assim o farei sem hesitar, você é dispensável, não é nem metade do que já foi, será um grande alimento para meu ódio.

      Concordo com o que disse até as reticências… Vou te mostrar que você não é nada perto de mim, que alguém como você só foi o que foi por ter “sorte”, enfim, você verá o que é o verdadeiro ódio quando seu pescoço receber todo o impacto do meu golpe.

      • Ah que saco! Tem gente que insiste em não ver os papéis nesse jogo, eu sou o braço do executor, e você é a cabeça do prisioneiro de guerra, que logo vai rolar pelo chão para nunca mais abrir a maldita boca caluniosa quando for atravessa pela lâmina sanguinária que é meu F5!

        Não, pensar que sabe, não é verdadeiramente saber, da mesma forma que padres pedófilos da idade média pensavam saber tudo, quando não passavam apenas de estagnação e atraso na evolução, você nada entende de Hardcore… Aterrorizar é destruir a mente, ossos voltam ao normal, músculos se recuperam, um rim ou fígado pode ser substituído, mas o psicológico do oponente despedaçado, jamais poderá ser remendado, e fazer isso não é algo que você tenha aprendido brincando com brinquedinhos com outros colegas ainda menos capazes que tu próprio.

        Você e o wrestling sim… Do passado, ineficiente, produto com data de validade vencida e empoeirado, que deve ser trocado o quanto antes, pois só sabe ser arrasado pela concorrência, e o novo modelo aqui, mais competitivo, mas rápido e mais furioso, irá fazer concorrência desleal para lhe por fora do mercado antes que perceba o que aconteceu.

        Não interessa se concorda ou não, após WM não estará por aqui para continuar o debate, pois meu argumento final será o ringue sujo do seu sangue após a luta.

        Cada vez menos tempo entre você Steen… E a dor!

  13. Antes de falar do que é realmente importante para mim, vou dar uma passada no evento em geral, que não merece ser chamado de WrestleMania, mas sim de SpotfestMania, afinal tem estipulação para tudo em quanto é lado nisso aqui. Mas por ser o maior evento do ano, até entendo essa necessidade de tentar tornar a WrestleMania inesquecível do inicio ao fim. Veremos se isso vai dar certo. Mas no momento, é hora de falar da vida alheia.

    Match #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen

    E começamos muito mal. De Yuki Nagata, um dos maiores UWF Champions a Jack “Who?”. Não sabia que uma pessoa podia atingir o fundo do poço em tão pouco tempo. Mas parando um pouco para refletir, todos que enfrentaram o Tanaka pelo World Heavyweight Championship acabaram assim. Steen, é outro que perdeu para o Tanaka e caiu de rendimento, mas isso parece não o ter afetado completamente e está firme para derrotar o Jack por…nada. Sim, a justificativa dessa luta simplesmente não existe, pois esses dois irem a WrestleMania por causa de uma chair shot é algo completamente ridículo, por isso é melhor deixar essa luta sem sentido mesmo. Sobre o vencedor, aposto no Steen por hoje ser infinitamente superior ao monte de músculos anencefálico.

    Match #2: Tag Team Turmoil for UWF World Tag Team Championship – The Unruly Generation (Mike Von Pryer & Elizabeth Baddrock ) vs. The British Airlines (Valugi Barros & Gabriel Hardy ) vs. Black Hearth Conviction (JhoBarrage & Leonardo Felix – Número #5) vs. Nightmare Knockout Connection (Raymond Murphy & Huber Lee) vs. The Beauty & The Beast (A.B. & Daena)

    Eu fico extremamente feliz em saber que o único título que eu ganhei na UWF voltará a ativa de novo. Espero que desta vez, a tag team division consiga se manter movimentada com o passar do tempo. Não será porque essa tag team turmoil passou que as tags derrotadas tem que acabar, pois os títulos de duplas são um grande atalho para o sucesso individual. Por isso, desde já, dou boa sorte a todos. Sobre as duplas que acho que podem vencer, coloco como favoritos a British Airlines, por mais que o Valugi venha decepcionando ultimamente. Depois, ponho Jho e Félix como outros bons candidatos, mas creio que a falta de entrosamento será um problema para eles e Murphy e Huber Lee, os quais considero os mais fortes candidatos a levar a vitória. Foram os dois que mais conseguiram ser estáveis nessas semanas e isso é um ponto positivo que deve os fazer levar a vitória. As outras duas tags nem considero por serem intergenders e isso faz com que passem longe de ganharem.

    Match #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke

    Algo que começou por um ataque brutal terminará de forma brutal. Algo que parecia tão infantil no começou se tornou em uma hell in a cell match. Cody e Nolan tiveram seus bons momentos de interação e tentaram mexer um com o outro das mais diversas formas. Agora, chegou a hora de saber quem conseguiu ser mais efetivo. Desde muito tempo, vejo o Nolan como um campeão fraco, por mais que tente passar a imagem de que está bem, ele já não se aguenta como campeão e já não consegue esconder essa sua fragilidade através de querer se impor, por isso, o Cody tem tudo para lhe tirar o título e calar a boca de todo mundo mais uma vez, inclusive a minha.

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler

    O Rob saiu da empresa e lá está o Tomyer mais uma vez na rota do UWF Championship. Esse só pode ter algum tipo de pacto que não o deixa mais ficar longe desse título, pelo amor de Deus. Mesmo com esse porém, vais ser sim uma ótima luta, pena que não houve uma história por de trás dessa ladder match, mas nada que estrague o brilho de Perfecto e Tomyer. A muito tempo o Ziggler já faz por merecer ser campeão mundial e agora creio que finalmente chegou o seu grande momento. Tomyer até pode se dizer preparado, mas não foi ele que desde que voltou treina para ser UWF Champion. Então, Perfecto, este é seu WrestleMania Moment. Eu confio na sua vitória!

    Main Event: Three Stages of Hell for UWF World Heavyweight Championship (1º Fall – Steel Cage / 2º Fall – No Holds Barred / 3º Fall – I Quit Match) – “The Last Real Man in Pro-Wrestling” Luiz Tanaka © vs. “The Death Machine” and Royal Rumble Winner Stuart Sanders

    E aqui temos um legitimo “end of an era”. As duas maiores lendas UWF se enfrentam no main event da WrestleMania. Isso seria épico sem mais nada a acrescentar, mas eles trataram de colocar ainda mais fogo nessa disputa com toda essa história maluca, que certamente agradou todo o tipo de fã. De relevações bombásticas, a suspense e passando para o wrestling, Tanaka e Sanders mais uma vez inovaram e fizeram algo de outro mundo. A Three Stages of Hell foi apenas a cereja no bolo. O tempo para que as 2 primeiras stages passem já deve ser gigantesco, tendo outra “I Quit” match no meio deve fazer que esse combate passar para mais de 2 horas. Então, a operadora de pay-per-views que se vire para arrumar espaço. Sanders necessita vencer essa luta, pois ou é ele ou ninguém a tirar o título do Tanaka. Se eu não consegui o derrotar na Royal Rumble, Sanders, pelo bem de toda a UWF, vença o Tanaka e mostre que ele não é Deus porcaria nenhuma.

    Em breve, o meu último comentário antes de me tornar Intercontinental Champion. Então, aguardem.

    • Claro que sou anencéfalo, morri poucas semanas depois de nascer… Sério mesmo que esse pessoal que adora bancar o descolado não tem a mínima capacidade para inventar uma provocação melhor para alguém que tem músculos? Prefiro ir ao fundo do poço arriscando do que subir na vida sendo Banal.

  14. Bem , finalmente chegamos a Wrestlemania, é o grande dia está chegando, eu não sou novo nesse negocio, sei disso, mas a UWF é um novo mundo quem imaginaria que muita coisa da minha vida mudaria desde que eu cheguei aqui, ainda me lembro que minha estreia foi uma vitória sobre Alberto Del Rio.

    Eu também me lembro da minha primeira participação em PPV, isso aconteceu graças aos fãs da UWF que me escolheram como merecedor dessa oportunidade, onde consegui minha primeira vitória em PPV´s contra o também novato Prince Jhonie, naquele momento começava a mostrar um pouca da minha habilidade a todos, que não era somente mais um nesse roster.

    Mas o que viria a seguir seria bem interessante, eu já tinha percebido que um de meus discípulos há vários anos atrás, Mr. Pedro “Jason” estava na companhia, mas não queria tirar vantagem disso, mas com o tempo a coisa foi saindo do controle, e tivemos vários desentendimentos e também nessa feud que todos puderam ver a verdadeira face de Jason, que ele não era o que vendia para todas as pessoas, o mesmo atacou meu irmão, e também tentou me desestabilizar, mas do dia da luta só ganhou com ajuda do Murphy, não tiver nenhum direito de uma revanche e deixei essa pagina na UWF passar, mesmo sabendo que tinha condições de ganhar o Intercontinental Champioship.

    Mas a derrota não me abateu, pelo contrário continuei me esforçando para chegar ao meu objetivo, o No Way Out estava a caminho e ainda tentava chamar Jason para mais uma luta, mesmo que fosse em show normal, não me conformava com aquele final, mas aconteceu durante um evento algo que mudou meu foco, iria enfrentar Steen em mais uma luta, só que o mesmo me atacou pelas costas e me desrespeitou como wrestler, nisso começamos uma feud que durou até o No Way Out, no fim Steen se mostrou melhor e me derrotou.

    Mais uma derrota para o meu currículo em PPV’s, mas não iria desistir de chegar ao topo, não me esforcei tanto para voltar e não conseguir nada, só que onde menos imaginava apareceu uma nova oportunidade. Veio o sorteio das tags que participariam do torneio e como coincidência do destino o meu parceiro foi o Gabriel Hardy, quando vi que seria a tag dele, pensei se realmente daria certo? Somos duas pessoas completamente diferentes, no estilo de vida, no modo de lutar, até mesmo no modo de se comportar, cada um com seu jeito, mas acabou que mostramos que com muita dedicação e força de vontade, se pode tudo, e fomos construindo nosso caminho para essa Wrestlemania, provando que podemos lutar com os melhores.

    E chegamos ao maior evento do ano, que pode coroar a British Airlines como Tag Team Champions, o momento que eu e o Hardy mostraremos o porque de estamos sendo bem recebidos por todos, somos amados pelo público e estaremos prontos para levantar esse títulos e levar a divisão para um novo horizonte.

    • "The Man with a Black Heart" Leonardo Felix

      Muito legal saber da sua história por aqui e saber de tudo que teve que passar para chegar até esse momento. Mas,tenho algo ruim para te falar: Isso não vai te fazer ganhar esse título. Esse é o meu momento,nunca me senti tão bem quanto agora,eu levarei os belts para casa. Espero que tenhamos a oportunidade de nos enfrentar como aconteceu a umas semanas atrás…Não ache que vou te subestimar por ter te vencido da outra,tomarei muito cuidado pois sei da sua técnica e conheço o seu arsenal de submissions.
      E tome muito cuidado com Gabriel,ele anda vencendo bastante e parece estar abrindo as suas asinhas e se tornando mais um idiota…Não quero me irritar e ter que estourar a cara dele para ensinar algumas coisas que só a vida pode.

  15. Uma Wrestlemania cheia se estipulações, que gerou grande expectativa para os fãs da UWF, como será o evento, todos torcem para ser um dos melhores PPV’s da história, nas linhas adiantes vocês terão a minha opinião.

    Match #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen

    A primeira luta entre dois nomes que a poucos meses atrás estavam no Main Event, inclusive os dois foram derrotados por Tanaka, mas essa feud foi pouco construída, mas tendo em conta os dois nomes envolvidos nesse tipo de estipulação, com certeza teremos uma luta que abrirá o maior evento do ano com o pé direito, quem vence? Já lutei com Steen e sei da habilidade, apesar de Jack também ser bom wrestler, acho que Steen ganha
    .
    Match #2: Tag Team Turmoil for UWF World Tag Team Championship – The Unruly Generation (Mike Von Pryer & Elizabeth Baddrock – Número #2) vs. The British Airlines (Valugi Barros & Gabriel Hardy – Número #3) vs. Black Hearth Conviction (JhoBarrage & Leonardo Felix – Número #5) vs. Nightmare Knockout Connection (Raymond Murphy & Huber Lee – Número #4) vs. The Beauty & The Beast (A.B. & Daena – Número #1)

    Essa é a luta que eu e Hardy estaremos envolvidos, já falei sobre a nossa tag Team diversas vezes, mas agora comentarei sobre os meus adversários.

    The Unruly Generation: MVP e Elizabeth eram a tag team mais subestimada, na verdade continuam sendo o azarões dessa luta, mas tiveram um crescimento impressionante, inclusive ganhando de A.B e Daena, mas mesmo assim, acho que eles não vão ganhar e Bill Connor está todo paranoica e ao invés de ajudar, só vai atrapalhar a Tag Team.

    Black Hearth Conviction: Essa é uma das favoritas, tendo em conta o talent individual, mas como foram formados de última hora, não tem o entrosamento que outras Tag Team que estão nessa luta, mas também seria muito tolo, que em uma luta com essa estipulação, não considerasse os mesmos como adversários perigosos, sei que são, mas a química também e essencial nesse tipo de luta.

    Nightmare Knockout Connection: Outra Tag Team formada por dois bons wrestlers, mas as brigas internas podem atrapalhar tudo, os dois não se entendem de jeito nenhum, um quer mandar no outro e acaba que a interação entre os dois e mínima, além disso, seria muito bom fazer o pin em Murphy para conquistar o título, tudo é possível.

    The Beauty & The Beast: Há algumas semanas atrás também tinham crescido e começavam a ser mais cotados pelos apostadores, mas os dois diminuíram um pouco o ritmo e perderam algumas lutas importantes, contando que também serão os primeiros a entrar no ringue, o que pode ser uma vantagem para outras 3 tags, tendo em conta que MVP e Beth também estarão em cima do ringue junto com eles. Em compensação são dois wrestlers experientes e que podem saber usar bem para esse tipo de luta.

    Match #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke

    Essa feud tem uma história grande, é o momento que todos descobre a verdadeira face de Dean Nolan, já que foi no momento que ele “machucou” Cody que a torcida percebeu quem ele era, agora quem pensou que Clarke era só piadas e brincadeiras, estava enganado, o mesmo usou de jogos psicológicos que afetaram Nolan, acredito que teremos um novo campeão para a Extreme division.

    Match #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian

    Mais uma luta valendo o Intercontinental Championship, uma Three Way elimination Last Man Standing, uma estipulação bem diferente, onde provavelmente teremos mudança de título, e sinceramente acho que Christian merece conquistar o mesmo e está no caminho para que isso aconteça.

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler

    A estipulação para essa luta foi muito bem escolhida, já que teremos um novo campeão independente do resultado, que os mesmo ” busquem” esse título, tenho que falar que quando via Perfecto vs Rob, via que a feud tinha tudo para ser excelente, mas com a atitude de Rob de desistir do título, tudo mudou, não que Tomyer não mantenha o nível da feud, e porque o mesmo teve pouco tempo para desenvolver, o que vimos foi troca de palavras e respeito entre os dois, são grandes wrestlers, mas no final acho que teremos a redenção de Perfecto que se tornará pela primeira vez UWF Champion.

    Main Event: Three Stages of Hell for UWF World Heavyweight Championship (1º Fall – Steel Cage / 2º Fall – No Holds Barred / 3º Fall – I Quit Match) – “The Last Real Man in Pro-Wrestling” Luiz Tanaka © vs. “The Death Machine” and Royal Rumble Winner Stuart Sanders

    E aqui temos o Main Event do show entre duas das maiores lendas da UWF, Tanaka e Sanders, com certeza que será uma grande luta, ainda mais sendo uma Three Stages of Hell, acho que teremos alguém saindo morto dessa luta, mas com certeza renderá uma grande luta, digna de fechar esse PPV. Sobre a feud entre os dois foi muito boa, mas acho que o título ficou totalmente em segundo plano.

    • "That Young Knockout Artist" Raymond Murphy

      Se engana Valugi, eu não sou um bom Wrestler, eu sou um excelente PRO-WRESTLER! Eu não estou aqui para entreter essa palhaçada como vocês, que ficam fazendo manobras vistosas em procura de um aplauso, eu não preciso da aprovação de ninguém para fazer o que eu faço, eu não necessito da opinião daquelas moscas sobre a minha pessoa. Huber e Eu, após vários treinamentos, ficamos cada vez mais entrosados e prontos para nos coroarmos como próximos Tag Team Champions. Você não irá fazer o cover em mim porque para além de ser minha tag a vencedora, eu vou fazer de tudo para ter que não te encontrar na fase final, eu vou fazer de tudo para te fuzilar a ti de tal forma que se ficares até à fase final, teu parceiro irá lutar sozinho após eu te deixar numa maca. Nunca foi pessoal meu problema contigo Valugi, mas tu tornaste isso pessoal, e a única forma de acabar com isto é eu te destruindo.

    • Porque será que que todos que não conseguem vencer o super homem da empresa são taxados de “vencidos pelo Tanaka” por esse povo?

    • "The Man with a Black Heart" Leonardo Felix

      Pois é aí que você se engana meu caro Valugi,temos tanto entrosamento quanto as outras…Só vocês que ainda não sabem disso. A Black Heart Conviction usou todo o tempo disponível para aprender a lutar como dupla e a se conhecer e conhecer os adversários. Todos terão uma surpresa quando nós entramos na luta.
      E é por isso que venceremos. Somos extremamente desacreditados por todos mesmo sendo os últimos a entrar e somos os únicos capazes de usar o fator surpresa a nosso favor.

  16. OFF: primeiro que tudo, desculpem o meu sumiço repentino, não voltará acontecer.

    AND GO TO WRESTLEMANIAAAAAAAAAAAAAAA!!!

    Tudo esta sendo como um jogo de cartas, quem for mais esperto leva a vitória, de nada vale saber jogar se não sabe os truques que o levam a vitória. Tudo o que passamos é como o jogo e somente os melhores jogadores podem vencer.

    Mais uma grande chance colocada em meu caminho e nada melhor do que eu agarrá-la de uma vez, afinal estou aqui para o meu melhor, estou aqui para isso, grandes conquistas que me levam sempre ao topo, cada vez mais mostrando ser a melhor e mostrando que mereço este espaço na divisão. Começar de baixo? Sim, o Tag Team Championship será apenas o começo de todas minhas conquistas. Aguardem todos irão ver isso. Todos puderam ver o meu desempenho nos últimos shows , mostrando aos meus adversários desta noite, que não sou aquilo que pensavam. E mesmo que eu e o A.B tenhamos descaido nestes ultimas semanas, o que isso irá valer aos nossos adversários? De nada mesmo.

    Por que não dar á todos três razões para que eu prove que serei Tag Team Champion?

    1º- Eu já mostrei ser capaz de estar disputando um World Championship e tenho habilidade para ser Tag Team Champion. Por todos meus desafios eu sempre consigo me colocar acima e fazer o melhor. Eu seria a melhor metado dos Tag Team Champions que a empresa já conheceu.

    2ª- Nesta divisão não existe nenhum superstar preparado para isso, todos são fracos e nunca cumprem com suas responsabilidades. Todos fogem dos desafios, desistem das grandes batalhas. E eu estou aqui para isso, mostrar que eu sou muito mais do que meros farsantes.

    3ª- Isso não é apenas um titulo, é a chance de honrar a além da empresa, a capacidade que existe de duas pessoas carregarem um titulo, de o defenderem, de o fazerem valer, e somente eu e A.B, com a experiência que temos, sabemos isso.

    Afinal de contas, de todos os que estão na match, de todos os que tem a coragem de pisar o ringue, ninguém está tão preparado como nós os dois, para carregar um titulo a tempo inteiro, para carregar uma vitória mais que moral. Nós somos os verdadeiros, os campeões, os únicos a saberem lutar naquele ringue, a saberem fazer valer a sua força. Nós somos os Tag Team Champions, e o resto é moda.

  17. Dando atenção á outra match que me interessa:

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler

    Mesmo que eu não tenha a chance de acompanhar você, até ao ringue Tomyer, você sabe o quanto eu torço pela sua vitória, pela vitória que você merece. E finalmente, você está enfrentando o Perfecto pelo titulo, ou seja, além de vencer logo o UWF Championship, você enterrará uma rivalidade. Sei que muitos poderão dizer que eu ando iludida em termos de você conseguir vencer, mas eu sei que posso acreditar na sua pessoa, no seu talento. Afinal, nós treinamos muitas vezes juntos, então eu sei o que quanto você se esforça e é capaz. Perfecto até pode merecer, mas não tem o que a você é essencial: capacidade de liderança e carisma/mérito.
    Não irei alargar muito a minha conversa, porque irá aparecer alguém de mimimimi ainda, mas quero que saiba que estarei nos backstages, com o meu Tag Team Championship nos ombros, vendo a sua vitória, para que logo quando entrarmos em casa, dois titulos tenham já o seu lugar.

    Força amor, você consegue. Te amo❤

    • AHHHHHHH que bonitinho. Seria uma pena se alguém não gostasse do Tomyer e fizesse ele perder….

      • E seria uma pena maior, se a sua opinião não contasse para mim, para nós, e que você se preocupasse ainda mais com a humilhação que irá sofrer na match. Sério MVP, se enxerga

      • Me enxerguei. Sou lindo né?

  18. "The Man with a Black Heart" Leonardo Felix

    Match #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen:
    2 caras que poderiam estar num lugar maior nesse card,mas que acabaram perdendo a chance e após alguns desentendimentos estão aqui. O que essa luta tratá para eles? Nada. Porém,quem perder aqui pode entrar num abismo sem fim do qual nunca vai escapar…Steen vem forte e até merecia mais que o Tomyer estar na luta pelo UWF Title,então por isso acho que ele vence. Jack desde que se tornou essa persona não mostrou muito e deve continuar assim.

    Match #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke:
    Uma luta que poderia ser mais interessante,mas que na minha opinião ficou de certa forma apagada com relação as outras. Não acho que essa estipulação combine com nenhum dos lutadores,mas eles são bons lutadores e devem estar preparados para dar um show. Antes eu achei que Cody com certeza ganharia,mas ultimamente venho ficando em duvida…Se for pra Nolan perder,será apenas para ele subir de volta ao patamar dos títulos mundiais,após um reinado tão bom quanto esse. E sinceramente não sinto que essa é a hora…Por isso digo que Nolan retem o Extreme Title pelo menos até o próximo PPV.

    Match #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian:
    Uma das lutas mais imprevisíveis para mim e aquela com uma das feuds mais interessantes,sinceramente só não tão interessante quanto a do WHC. Pedro também vem fazendo um bom trabalho com o Intercontinental Title e mantem ele a um bom tempo. Jomo e Christian alternam altos e baixos em todos os sentidos,e agora parece que vem alternando um momento alto no wrestling e um momento baixo nas relações entre eles,o que pode acabar atrapalhando um ao outro…Jason tem Caio para ajuda-lo quando um problema aparece e esses dois conseguiram botar Jomo e Christian um contra o outro e criar até certo ódio entre eles. Jason vem fazendo tudo certinho e por isso acho que mantem o título nos ombros.

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler:
    Uma feud que teve de ser feita quase que totalmente de última hora por conta da aposentadoria de Tomyer e que por isso ficou ruim e acabou totalmente ofuscada por quase TODAS as outras. Seria uma heresia e quase um crime se Perfecto não ganhasse essa luta…É finalmente o momento dele ser a estrela e de mostrar que pode ser um dos principais nomes da empresa.

    Main Event: Three Stages of Hell for UWF World Heavyweight Championship (1º Fall – Steel Cage / 2º Fall – No Holds Barred / 3º Fall – I Quit Match) – “The Last Real Man in Pro-Wrestling” Luiz Tanaka © vs. “The Death Machine” and Royal Rumble Winner Stuart Sanders:
    A luta que pode ser o fim de uma era…Será o fim do reinado de Luiz Tanaka ou o fim de Stuart Sanders? De um jeito ou de outro,pra mim essa luta acabará de vez com a feud e as desavenças entre esses dois,pois um deles deve desaparecer após essa luta (o perdedor,claro). Eu lembro de quando eles se enfrentaram no evento de aniversário da UWF e não houve um vencedor. Mas dessa vez tem de haver um,nem que um deles morra para isso. Tanaka já bateu todos os recordes de tempo com um título e já derrotou todos que apareceram na frente dele,exceto por Sanders…E eu acho que não o derrotará. Está na hora de termos um novo World Heavyweight Champion e esse cara será Stuart Sanders.

  19. E quem diria. Quem diria que tanto tempo depois, tanto sofrimento, trabalho e desilusão depois, eu estaria aqui: Wrestlemania. O Greatest Stage, o maior espectáculo do ano. E eu estarei presente. Aliás, nós estaremos presentes. Eu e o meu título. E é isso que me leva ao próximo assunto…

    Cody Clarke. De palhaço a herói, de miúdo a homem. Como as coisas mudam… Mas há certas coisas que se mantêm as mesmas, como por exemplo, o facto de eu ter razão em tudo o que digo. A maior verdade que eu disse e tu negaste é que tu vais perder por não seres bom o suficiente. E eu passo a explicar, dando como exemplo eu próprio: Já fui Tag Team Champion, já fui n1 contender ao WHC. Tudo isso foram grandes feitos, mas eu nunca tive sucesso. O topo esteve próximo, mas eu nunca consegui. Digamos que a pouco e pouco eu fui construindo o meu prédio. O meu prédio, com vários andares, chegou tão alto, quase ao topo. Mas desmoronou-se. E porquê? Porque a base era má. A base do meu prédio eram os fãs. E assim que eles me deixaram de apoiar, tudo o resto caiu. Eu caí e fiquei sem nada. É o mesmo que vai acontecer contigo Cody, é isso que eu tenho te vindo a avisar: Os fãs são a base do teu prédio, ao qual vais acrescentando andares a cada dia que passa, estando cada vez mais perto de chegar onde o meu prédio chega. Mas a tua base é a pior que pode haver, a mais frágil e insegura: Os fãs. A minha tem como base aq

  20. Análise da UWF Wrestlemania II:

    Match #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen

    – O que falar desta luta? Duas ” lendas ” que chegaram ao ponto apenas de ” preencher o card ” . Não vi uma construção bacana desta luta pela parte de ambos, o Jack depois que ” retornou ” não vingou como da outra vez, já o Steen mesmo sem fazer nada, consegue me vencer ( 2×0 – Isso ainda vai ter volta, Steen ), sendo assim eu aposto em vitória simples do Steen.

    Match #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke

    – O cara mais extreme da empresa não se encontra nessa luta, pois este sou eu. Nolan… ” felizmente ” por conta de um medo seu, eu estou fora deste combate… todos falaram que eu preenchi o lugar que o Cody ” deixou ”. Cody começou como uma piada e hoje vem se consolidando aos poucos como um lutador de… ” respeito ” se assim podemos dizer. ” O Futuro ” hoje vai cair, pois o mesmo ainda sente dores do que eu o fiz mês passado e já esta na hora do Cody vingar em alguma coisa nessa empresa… Cody vence e se torna o novo Extreme Champion.

    Match #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian

    – Eu me enganei com o Jason, há meses eu vinha falando que ele estaria neste evento disputando um World Title, mas ele não esta. Jomo acha que eu ligo se venci ou perdi para ele, resumindo: ele se acha importante! É uma boa qualidade Jomo, pessoas com o ego alto tendem a ter esse tipo de comportamento, isso é bom… mas não para você! Christian, ah sim… temos uma luta para agendar Ch… este cara só ganhou um titulo na vida, que foi o TT Championship, o mesmo que hoje eu vou ter em meus ombros, ele possui junto com um certo parceiro o maior recorde de dias com o titulo e isso não é qualquer um que faz. Não sei a quanto tempo ele espera por um titulo, mas Christian vence e se torna o novo IC Champion.

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler

    – Injusto ! É nisso que está luta se resume. Não pela parte do Perfecto, mas sim pela do Tomyer ! Este cara, ele manda na empresa? Ele sai e volta, sai e volta, sai e volta outra vez e sempre, SEMPRE volta disputando o UWF Championship ! MAS O QUE É ISSO? Ele não merece o chão que pisa, muito mesmo estar como Co-Main Eventer da Wrestlemania ! Perfecto, faça um favor a todos nós… APOSENTE o Tomyer ! Perfecto vence e se torna o novo UWF Champion.

    Main Event: Three Stages of Hell for UWF World Heavyweight Championship (1º Fall – Steel Cage / 2º Fall – No Holds Barred / 3º Fall – I Quit Match) – “The Last Real Man in Pro-Wrestling” Luiz Tanaka © vs. “The Death Machine” and Royal Rumble Winner Stuart Sanders

    – Cá estamos para o Main Eventer ! A ” Dream Match ” que muitos fanáticos da UWF sonhou. Realmente, se eu dizer que estes caras são as duas maiores lendas da empresa eu não estaria mentindo. Tanaka é o que realmente podemos chamar de Deus. Sanders é realmente o que podemos chamar de Demônio. É difícil apontar um vencedor… mas… o Tanaka não vai perder seu titulo hoje, ele ainda vai prolongar mesmo que mais 30 dias este reinado… Tanaka vence e mantém seu WHC.

    • Huber eu era o Parceiro do Christian, e levei ele nas costas a maioria do tempo, então tudo que você disse a ele vale a mim também…

      • Jomo, quem foi que deu tap-out na WrestleMania passada mesmo? Ah, foi você.

      • Era a minha quinta luta na empresa já disputando um titulo, contra o Rob Awesome, obviamente o provável seria que eu perderia, mas só de ter conquistado uma chance dessa na Wrestlemania já era algo bem grande para um novato. E você perdeu também independentemente de não ter dado o Tap nem sofrido o Pin. Você ficou mais de 3 meses como parceiro do Enio e só conquistou uma chance pelo titulo, mas quando foi meu parceiro ganhou o titulo em menos de 1 Mês de dupla, o que isso quer dizer? Que eu te carreguei.

  21. OFF: Ignorem o outro, foi um botch.

    E quem diria. Quem diria que tanto tempo depois, tanto sofrimento, trabalho e desilusão depois, eu estaria aqui: Wrestlemania. O Greatest Stage, o maior espectáculo do ano. E eu estarei presente. Aliás, nós estaremos presentes. Eu e o meu título. E é isso que me leva ao próximo assunto…

    Cody Clarke. De palhaço a herói, de miúdo a homem. Como as coisas mudam… Mas há certas coisas que se mantêm as mesmas, como por exemplo, o facto de eu ter razão em tudo o que digo. A maior verdade que eu disse e tu negaste é que tu vais perder por não seres bom o suficiente. E eu passo a explicar, dando como exemplo eu próprio: Já fui Tag Team Champion, já fui n1 contender ao WHC. Tudo isso foram grandes feitos, mas eu nunca tive sucesso. O topo esteve próximo, mas eu nunca consegui. Digamos que a pouco e pouco eu fui construindo o meu prédio. O meu prédio, com vários andares, chegou tão alto, quase ao topo. Mas desmoronou-se. E porquê? Porque a base era má. A base do meu prédio eram os fãs. E assim que eles me deixaram de apoiar, tudo o resto caiu. Eu caí e fiquei sem nada. É o mesmo que vai acontecer contigo Cody, é isso que eu tenho te vindo a avisar: Os fãs são a base do teu prédio, ao qual vais acrescentando andares a cada dia que passa, estando cada vez mais perto de chegar onde o meu prédio chega. Mas a tua base é a pior que pode haver, a mais frágil e insegura: Os fãs. A minha tem como base aquilo a que tu chamas ego, mas que eu chamo auto-confiança e espírito de campeão. E na Wrestlemania, dentro daquela estrutura demoníaca, eu vou levar-te até ao inferno e ver a tua base abandonar-te. Aí, tu cairás e terás de admitir que eu tinha e tenho razão no que digo.

    Já falei demais, a hora de falar acabou. Vejo-te na Wrestlemania, Cody.

    Ah e para quem não aposta em mim: Acham que eu quero saber de estatística? Por alguma razão eu segui este rumo de querer ser Pro-Wrestler, quero lá saber se x % aposta no Cody. Eu tenho a plena certeza que irei vencer e calar-vos a todos. E porquê? Porque eu sou um campeão e é isso que os campeões fazem.

    You know who to Hail.

    • Nolan, falaste das nossas mudanças e dou-te razão, eu passei de um garoto que não percebia nada de wrestling para alguém que vai disputar um titulo no maior palco do entretenimento mundial, tu passaste de um futuro main eventer, para um completo Jackass!
      Falas dos fãs como se eles fossem manuzeados pelo sistema, como se suas vozes podessem ser manipuladas por alguma força esterna, estás errado, ninguém manda neles, eles fazem este programa, eles te criaram, eles me criaram, eles são a base de todos nós, pois sem eles não haveria UWF, sem eles não havia este desporto que tanto gostamos, eles não te viraram as costas, eles continuaram te apoiando mesmo depois de tu teres caido, estavas era cego e surdo, só vias o que querias, tornaste-te frio, mesquinho e retorcido, claro que eles iam deixar de te apoiar, a voz deles existe para quem a merece, tu ignoraste essa voz, e perdeste-a, mas eu sei que não é tarde demais, eu vou trazer-te de volta, nem que para isso tenha de te espancar até o teu sangue cobrir todo o ringue, nem que tenha de te arrastar por toda a arena para veres de perto a emoção de ser um fã da UWF, Nolan, não contes com piadinhas no combate, não penses que eu estarei nesse combate com a mesma disposição com que estive em todos os outros, desta vez não é só uma oportunidade pelo Extreme Championship, desta vez é algo muito maior.

      Na Wrestlemania, aquela estrutura infernal chamada Hell in a Cell com 250 toneladas de puro aço, irá cercar o ringue, tu tencionas trazer o inferno até mim? Good, eu tenciono brincar no inferno, deixar que as chamas consumam o meu corpo, arrastar-te comigo até à parte mais profunda e deixar-te lá a arder, depois só tens duas opções, subires atrás de mim, chegar à superficie onde irás ver a luz, ou deixar-te consumir pelo fogo e desapareceres completamente, a decisão é tua, vê-mo-nos na Wrestlemania.

      • Tu não percebes Cody, não percebes nada! Os fãs abandonaram-me, deixaram-me no chão! Foi por causa deles que eu caí! Porque eu não posso ter falhado, simplesmente é impossível isso ter acontecido. Eles falharam, eu contei com eles quando assinei aquele contracto que me daria a chance de derrotar a E.V.I.L. e acabar com o reinado de terror deles. Mas logo a seguir a eu ter saído do escritório do Tanaka e ter ido até ao ringue, eles vaiaram-me como nunca os tinha visto vaiar ninguém. Foi isso que me desestabilizou, foi isso que me fez fraquejar e perder. A culpa é deles, a culpa de eu não ser campeão Mundial é deles e só deles! E é por isso que eu nunca mais lhes darei ouvidos ou farei qualquer coisa por eles. Eu detesto-os e detesto-te a ti! Eu detesto pequenos herói! Tu, pequeno herói, estás apenas a um mero dia de conhecer uma dor que nunca conheceste e de arderes no mais cruel dos infernos! Não há nenhuma luz para eu ver, para de me tentar confundir. Eu não vou cair no teu jogo. Eu vou vencer, porque eu disse e o que eu digo é concretizado! Este title não vai sair das minhas mãos, no final do combate estarás tu numa poça de sangue e eu a celebrar mais uma vitória. São mais de 100 dias de reconstrução, revitalização e regeneração tanto de mim como deste title. E não serás tu a acabar com isso, isto não terá fim. Por muito que te custe a aceitar Cody, vais perder. Eu vou acabar com os teus sonhos.

  22. Match #2: Tag Team Turmoil for UWF World Tag Team Championship

    Lá no dia 6/12, quando eu entrei na empresa… Eu disse que não existe esse papo de um ”novato” chegar na empresa e no mesmo dia em que foi contratado, dizer que seria UWF ou WH Champion… Isso não existe! Eu disse também que tudo vinha com o tempo. As vitórias, as derrotas, as rivalidades e os títulos. Hoje eu tenho tudo, tudo mesmo o ultimo quesito, o titulo. Um título que foi manchado e aposentado por seus últimos campeões e que ficou jogado em uma prateleira velha na sede da UWF, volta para reconquistar seu caminho de glória, pois nos vídeos que eu vi da UWF, este título chegava a ser o 3º titulo mais importante dessa empresa, perdendo apenas para os dois principais títulos… Hoje eu digo que o tempo do Huber finalmente chegou, o tempo do TT Championship chegou !

    Ego, Ignorância, Loucura, Brutalidade, Falta de Compaixão, Sede de Sangue e Sede de se tornar alguém, eu acabou de me descrever. Sim, não preciso que gostem de mim, porém assim que eu e o Murphy erguemos o titulo, vocês terão que me aguentar, e muito. Murphy, eu nunca pensei que iria te dizer isto, mas… Obrigado! Você é o parceiro ideal, nunca pensei que alguém nesta empresa iria me aguentar por tanto tempo como você. Isso só reforça que nós somos a melhor combinação que poderia ter não só nesta luta, mas em toda a UWF! Sim, nós treinamos 1 único dia, e neste dia pareceu que já estamos entrosados a anos, o que nos diferencia dos outros é que nós não nos preocupamos em fazer coisas ”bonitas”, não nos preocupamos em fazer o certo ou o errado, nós não nos preocupamos se vamos agradar a todos ou não, nós não nos preocupamos em ser ”bonzinhos”, pois isto cola mais, nós nos preocupamos apenas em agir e fazer a diferença, sem outras preocupações e é exatamente por causa disso que nós vamos entrar naquele ringue hoje e ganhar o titulo. Porque nós não nos preocupamos com todos esses detalhes, nós só fazemos as coisas acontecerem!

    Eu poderia falar falar sobre cada dupla, ou poderia fazer o que eu venho fazendo durante todas as semanas que é apontar a dupla que pode tentar atrasar nossa vitória ou menosprezar a mesma, mas não vou fazer isso. Apenas desejo boa sorte, para vocês, pois vocês irão precisar… Sorte que eu digo é para não saírem com as costas, costelas, braços, dedos, nariz e etc., quebrados! Sorte para que a NKC seja piedosa com vocês. Façam um simples favor, entreguem o jogo! Pois nós estamos aptos a lutar em qualquer situação que seja, se vocês entrarem para matar, nós entramos para arrancar a alma de vocês, se vocês entrarem para dar porrada, nós vamos entrar para quebrar ossos, nós estamos aptos a qualquer situação!

    Nada mais precisa ser dito, pois creio que assim como meu parceiro, eu respondo com murros, chutes e porrada. Eu me comunico dando porrada nos outros e através da dor eles me entendem. Como eu disse antes, boa sorte. Mas tenham em mente o comportamento que vocês vão entrar naquele ringue, apenas isso. O titulo já tem meu nome e o nome do Murphy escrito, essa fato não muda!

    A great thinker once said that the best combination ever made was the least fit, as I and Murphy. I repeat, we are not the best duo, but we are the best combination!

    # Follow the crows!

  23. Match #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen

    – A primeira luta mostra como Tanaka consegue levar os lutadores depois de perderem para ele, ao fundo do poço. Se me perguntassem a 3 meses atrás o que Steen ou Jack fariam na Wrestlemania eu diria que poderiam estar disputando um World Champion ou pelo menos em uma luta de grande importancia, mas ver os dois em uma rivalidade tão fraca, em uma Open Match é surpreendente. Steen está em um momento melhor do que o Jack, então acredito que a vitória sorria ao Mr, Wrestling.

    Match #2: Tag Team Turmoil for UWF World Tag Team Championship – The Unruly Generation (Mike Von Pryer & Elizabeth Baddrock – Número #2) vs. The British Airlines (Valugi Barros & Gabriel Hardy – Número #3) vs. Black Hearth Conviction (JhoBarrage & Leonardo Felix – Número #5) vs. Nightmare Knockout Connection (Raymond Murphy & Huber Lee – Número #4) vs. The Beauty & The Beast (A.B. & Daena – Número #1)

    – É ótimo ver que a TTC irá retornar depois de tanto tempo, e quem fala isso é o lutador com o maior Reinado da história da divisão, ver que o meu único titulo na empresa pode voltar aos seus dias de glórias já faz eu ganhar o meu dia. As Tags que estão nas disputas são bem diferentes umas das outras e irei analisalas e dizer o vencedor.

    The Unruly Generation: A Tag dos “injustiçados”. Eles vem evoluindo muito nos últimos tempos, MVP vem melhorando consideravelmente e Betsy é uma grata surpresa das contratações recentes. Não acredito que vencerão a disputa, mas podem ser uma das Tags que cheguem mais perto do titulo.

    British Airlines: Os dois Wrestlers dessa tag são talentosos, até os apontava como os grandes favoritos a algumas semanas atrás, mas mudei minha opinião. Eles são medianos, mas não tem nada a ver, falta um carisma ou uma força para fazer a TTD voltar aos dias de glórias, então não os aponto como os vencedores certos.

    Black Hearth Conviction: A última tag formada e que para mim estão se completando muito bem, e vem como uma das grandes favoritas. Jho e Félix querem voltar aos seus melhores dias, e acho que podem fazer um grande reinado como TTC, acredito que sejam o 2 maior favorito, e as chances são grandes de saírem com o titulo ao final da luta.

    Team Murphy: Para mim são os favoritos e os que podem fazer um Reinado interessante. Claro que eles tem aquelas discussões chatas as vezes lembrando a D&J. mas não acredito que realmente se odeiem, e que só estejam fazendo tipo para depois surpreenderem e mostrarem um bom entrosamento, Huber já vem merecendo a um tempo um titulo, acho que agora chegou sua hora.

    The Beauty & The Beast: Acredito que sejam os azarões da disputa, começaram muito bem mas depois foram desanimando, e não estão prontos para vencer outras 4 Tags.

    Match #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke

    – Uma das rivalidades com melhor construção para a Wrestlemania, e para mim foi muito bem levada por Cody que sempre esteve um passo na frente do Dean Nolan e conseguiu mexer com o psicológico do Campeão que já se vê em apuros. Nolan está tão obcecado no Clarke que pode cometer alguns erros bobos ou ir muito afobado na luta, e o Cody pode se aproveitar desses momentos. Acredito que Clarke saia vitorioso da luta, e que a rivalidade ainda terá uma continuação no Extreme Rules.

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler

    – A estipulação para esta luta foi uma Kamikaze como acho que MVP já falou. Perfecto está em uma fase fantástica, muito superior a de Tomyer, mas de qualquer maneira uma Ladder Match pode acontecer qualquer coisa, é muito imprevisível, então as chances de Tomyer são muito maiores de vencer esta luta do que em uma simples Singles Match. Mas acredito que mesmo com a estipulação imprevisível, Perfecto esteja se preparando a muito mais tempo para uma luta com esta pressão envolvida, e que é muito favorito a vitória.

    Main Event: Three Stages of Hell for UWF World Heavyweight Championship (1º Fall – Steel Cage / 2º Fall – No Holds Barred / 3º Fall – I Quit Match) – “The Last Real Man in Pro-Wrestling” Luiz Tanaka © vs. “The Death Machine” and Royal Rumble Winner Stuart Sanders

    – Essa é sem dúvida nenhuma, A MAIOR LUTA DA HISTÓRIA DA UWF. As duas maiores Lendas da empresa se enfrentando no Maior evento da história, é uma luta com dimensão gigante, e que pode definir o Presente e Futuro da empresa. Os dois fizeram uma grande rivalidade, muito pessoal, e que em todos os confrontos físicos Tanaka saiu na frente, o que já lhe dá um certo favoritismo. A estipulação da luta foi perfeitamente escolhida, e se fosse apontar um vencedor diria que Tanaka está muito mais pronto para a luta, mas é imprevisível e minha torcida vai para Sanders, por achar que a “Era Tanaka” está chegando ao seu fim, e se não for na Wrestlemania, acredito que alguém consiga o derrubar no Extreme Rules. e que começo uma Nova Era a UWF.

  24. Pedro"Jason"Cruz

    Wrestlemania… finalmente estarei em uma Wrestlemania. Sei que praticamente ninguém sabe disto, mas daqui a dois dias estarei completando um ano na UWF. O meu primeiro contato com a empresa foi exatamente na Wrestlemania I, e quem diria que eu estaria aqui de volta depois de quase um ano, dessa vez para ser uma das atrações principais da Wrestlemania II? Para mim, isso é realmente bem gratificante, pois eu estarei mostrando o meu trabalho na frente de 80 mil pessoas, provando que eu mereço estar onde estou.

    E onde eu estou? Estou prestes a defender o meu cinturão contra dois homens que acham que tem esperanças, mas na verdade eles não sabem do que fazem, eles tem noção de nada. Eu fiz tudo certo para a Wrestlemania, eu estou mais preparado que qualquer um, eu vou com todas as minhas forças para defender o meu cinturão, e eles não tem noção disso.

    Não importa com quantas armas cada um de vocês irão vir, eu irei aguentar até o meu limite, eu vou até o limite do meu corpo. Hoje nenhuma pessoa conseguiu me levar ao limite, e não será hoje que dois caras medianos irão consegui me levar. O último homem em pé vencerá, e eu não vou simplesmente desistir, isso é um fato. Eu vou ter forças o suficiente para derrubar vocês dois e me manter em pé, que é as únicas duas coisas que vou precisar durante a Wrestlemania.

    E será nesse dia, que vou me consolidar, vou mostrar o porque de eu ser um dos melhores wrestlers da atualidade, se não o melhor. Defender o seu cinturão no maior palco de todos pode ser o auge da carreira de um Pro-Wrestler, e assim será comigo, a Wrestlemania II será o auge da minha carreira, e mal posso esperar por ele.

    Até a Wrestlemania II, onde Pedro”Jason”Cruz irá definitivamente mostrar mais uma vez o porque de ele ser o melhor.

  25. E finalmente chegou a hora de eu falar sobre o que realmente me interessa…

    Match #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian

    Parece que foi ontem mesmo que estávamos na WrestleMania 1. Eu, especialmente, recordo bem dessa data, afinal, não é todo dia que se disputa um Tag Team Champinship em triple threat match “singular”. Infelizmente, não pude derrotar nem o Rob nem o Jomo na altura, muito por culpa deste último, que acabou por dar tap-out. E parando um pouco para olhar tudo isso, começo a perceber que eu e o Jomo somos uma espécie de Tanaka e Sanders do mid-card.

    Ah, Jomo Eduardo. Neste pouco mais de um ano, já estivemos um contra o outro, já formamos tag, ficamos um contra o outro de novo, voltamos a tag e mais uma vez estamos um contra o outro, mais uma vez em uma triple threat match na WrestleMania. Você já foi o meu melhor amigo, mas infelizmente, o tempo muda as pessoas, e hoje, não passa apenas de um idiota de galochas do qual todos já estão fartos de escutar. Por quê acha que ninguém te apoia ou mesmo liga para o que você faz mais?

    Desde que voltou, você gosta de pôr seus fracassos sobre os outros, como se fossem eles que impedissem o seu sucesso, mas não tem a capacidade de olhar para si mesmo e perceber que o problema está em você mesmo, Jomo. E isso se exemplifica perfeitamente nessa estrada a WrestleMania. Posso até ter errado, afinal ninguém é perfeito, mas não precisa se martirizar mais do que Jesus Cristo por conta de UMA única coisa. Desculpe, mas nem por isso sou o responsável pelos seus fracassos. E exatamente por isso que não vai sair da WrestleMania como Intercontinental Champion. Ninguém irá ter pena de você e te dará o título de brinde só porque durante a luta resolveu praticar “vingança” contra absolutamente nada durante o combate. Pensei que era homem o suficiente para encarar seus desafios de frente, mas pelo visto, só é uma criança que sonha em ser mimada mas nem isso consegue.

    Por falar em sair da WrestleMania como Intercontinental Champion, ainda tenho outra grande pedreira no meu caminho, o atual campeão Jason. Na semana passada, Jason havia dito que eu o subestimava, e mais uma vez eu repito que não. Afinal, tudo o que o Jason fez durante esse último mês nada teve a ver com o Intercontinental Championship. Se ele quis usar de joguinhos para tentar mexer com a minha mente, dei mais atenção aos joguinhos. Agora, que toda essa fase ridícula se foi, posso dar finalmente minha atenção a você, Jason, se é isso que tanto quer. Só me diga: que vantagem seus planos maquiavélicos te deram para a nossa luta? Nenhuma. O que você conseguiu aprender sobre mim nesse tempo? Apenas o básico, pois sempre se preocupou mais com o extra-ringue do que com as lutas e isso afirmo com toda certeza, se não, ainda continuava a lutar nos shows semanais

    Reconheço a capacidade que o Jomo e o Jason possuem e obviamente me obrigarão a dar o meu máximo, ainda mais com essa Last Man Standing Elimination como estipulação. Mas a questão aqui é estar preparado para poder se destacar. Mesmo com todos as adversidades, eu treinei todo santo dia, evolui muito nesse curto espaço de tempo e aprendi sobre o que os dois são movidos. Vi muita esperteza e ódio nos dois, mas nenhuma confiança em si próprios. Enquanto Jason procura defender o Intercontinental Championship de maneiras “alternativas” para parecer foda, Jomo quer o título para diminuir a decepção em cima da sua pessoa.

    Eu por outro lado, sei do que posso fazer, sei que as minhas chances de vencer são altíssimas e tenho plana confiança que posso ir muito longe, por isso, não vou desistir, eu não vou ficar deitado naquele pelos 10 segundos pensando no que podia ter feito para aquilo acontecer. Usarei de todas as minhas forças e só descansarei quando apenas eu for o último a ficar de pé no ringue do Metlife Stadium e quando estiver com o Intercontinental Championship nos meus ombros. Também sei que grande parte dessas 82.000 pessoas estará disposta a me ajudar, a sempre me empurrar para frente e por elas, irei até o fim sem ter medo de fraquejar ou cair.

    Esta é a hora da mudança, este é o momento onde deixo de ser uma antiga promessa para me tornar em uma realidade permanente. O Intercontinental Championship é o meu primeiro passo de muitos que ainda darei na UWF. E com aquele papo bem clichê, que vença o melhor na WrestleMania, só que o melhor hoje sou eu.

  26. Match #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian

    – Finalmente chegou o dia mais esperado do ano para qualquer lutador ou fã de Wrestling. O dia onde lendas são formadas, lutas vão para a história, “Wrestlemanias Moments” acontecem, o Feriado do Wrestling é nesse Domingo. Felizmente eu pude participar da Wrestlemania I, mas ainda era um garoto ou como Rob Awesome dizia, um “moleque”, era ainda minha quinta luta na empresa quando fui convocado para disputar o TTC contra Rob e por coencidencia ou Destino o Christian em uma Triple Threat Match. Posso ter perdido a luta, mas mesmo assim um dos momentos mais marcantes da minha carreira foi a minha primeira Wrestlemania, e depois de um ano poder estar novamente participando desse Evento fantástico é um prazer imenso, e diferentemente da primeira vez, sairei vencendo e com o titulo.

    Ódio, Vingança, Rancor, sentimentos que estão andando tão próximos de mim quanto o sentimento de felicidade de estar em mais uma Wrestlemania. Sempre critiquei a quem era movido por esses sentimentos, mas estou na mesma situação, mas tenho motivos para isso. Desde o ataque sofrido por Jason e Caio Almeida e a decepção que Christian me causou, não fui mais o mesmo. Perdi uma grande amizade, arranjei três novos inimigos e achei um objetivo para a Wrestlemania, pois até o momento estava perdido, destruí-los e conquistar o Intercontinental Championship.

    Christian, decepções e viravoltas fazem parte do mundo do Wrestling, mas você foi a maior para mim. Você sempre foi um grande amigo para mim, fizemos uma fantástica Tag-Team, independentemente das nossas diferenças sempre que eu precisava de conselhos, um ombro amigo lhe procurava e você fazia o mesmo, torcia pelo seu sucesso. Nunca lhe pedi nada , você sabe muito bem disso, mas a ÚNICA vez que precisei de sua ajuda, descobri que você não era nem 1% do que eu imaginava, pois preferiu conquistar mais uma vitória irrevelante do que ajudar o seu Melhor Amigo. Você me deixou ser espancado e jogado naquele cativeiro, e provou que somos opostos, e dessa vez os opostos não se atrairão. Você pode dizer que estou a fazer tipo, que estou a fingir-me de coitado para conseguir a empatia do público, mas não estou, tudo que disse veio do fundo do meu coração, pois não consigo atuar tão bem quanto você atuou nesses últimos meses. Na Wrestlemania resolverei todos os meus assuntos com você, farei você decepcionar todos os poucos que ainda acreditam na sua vitória como aquela garotinha ingenua, lhe baterei e jogarei a verdade na sua cara, quem sabe depois de sofrer o tanto que sofrerá na Wrestlemania não poderá virar o Christian da época da C&J e perceber que errou demais comigo, ou será que fingia ser uma pessoa que não era desde aquela época? Não me responda, pois não acredito em uma única palavra que saia da sua boca.

    Pedro, você selou a sua derrota na Wrestlemania desde aquele dia em que me atacou e levou ao cativeiro. Naquele dia você acordou um Jomo Eduardo com vontade de se vingar de todos, naquele dia você me trouxe para o meio da rivalidade de vocês, naquele dia você mexeu com o adversário que diferentemente de Caio Almeida, Valugi, Murphy e Christian, conseguirá lhe derrotar e acabar com o seu Reinado já desgastado. As vezes acho que você está me menosprezando, pois nunca me respondeu quando lhe citei e parece as vezes estar tão obcecado em destruir Christian, que não percebe que o melhor de nós três sou eu, e se há alguém para acabar com o seu Reinado é Jomo Eduardo. Reconheço as suas qualidades, acredito que você me cause mais perigo que o Christian, mas sou melhor do que você, fui um TTC muito melhor do que você, e serei um Intercontinental Champion muito melhor também.

    Faz muito tempo que não falo sobre “Dedicação” e “Esforço”, que citava tanto no começo da minha carreira, mas essas duas palavras continuam em primeiro lugar para mim. O que me esforçei para voltar a empresa, o que treinei para voltar a estar psicologicamente e fisicamente pronto para o mundo do Wrestling foi coisa de outra mundo. Não estou movido apenas a vingança como Christian quer fazer parecer, e sim para dar a alegria a mim e a todos os que realmente confiam em minhas capacidades, e tudo o que venho treinando para isso me fazem estar tão confiante na minha vitória.

    Christian dizia que os fans não estariam mais comigo, mas o que acho do público estar tão dividido no RIW? Eu os adoro e eles retribuem isso para mim, posso não estar tão focado em lhes agradar, mas ainda me importo com eles verdadeiramente, diferente de você que sempre fingiu amor os “peeps”, mas nunca deu a mínima para eles. Os 84.000 mil Fans( Tem aquela regra de sempre cabe mais um…), estarão a torcem por mim, pois sabem o quanto batalhei para estar aqui, e sabem que sempre fui verdadeiro com eles pois nunca lhes traí.

    O Legado que deixarei ao fim da minha carreira com Wrestling vai ter uma pagina especial apenas para dizer tudo o que fiz hoje, pois vou fazer História hoje, quem estiver a assistir verá que não estou blefando.

  27. Um ano se passou. Um ano de fracassos e piadas dadas ao meu nome. Um ano que me envergonhei por me chamar como “Rei”. Um ano que meu cartel conteve vergonhosas derrotas. Um ano que exibe novas cartadas. Um ano que tive de ser… Outra coisa. A sensação é tão vaga em minha mente. Enquanto todos se sentem ansiosos por estarem na Wrestlemania, Stu se sente vago, vazio. Não sei se esse é o sentimento quando sua história na Wrestlemania é uma bela porcaria. Que tal relembrar? Relembrar que fui derrotado no primeiro Main Event de uma Wrestlemania expressando na minha face o último sentimento. A tristeza de perder TUDO que um dia eu tive, para depois, se tornar uma máquina. Alguém movido por ódio e vingança, uma queda meteórica. Mas é aí que está como me safar dessa história?

    E é dessa maneira que chego a Wrestlemania II. Olhando por este ponto, podem até acreditar que estou desacreditado, mas não estou. Apenas coloco uma tese em minha mente, uma pequena parcela de que a derrota pode sim acontecer, mas no final das contas consegui entender meu caminho. Consegui entender que o fantasma que me perseguia não era Luiz Tanaka, não era Kenta Kurishimi. Meu fantasma sempre foi… A Wrestlemania. O sentimento de vencer várias barreiras e no fim, ser derrotado no maior evento de todos por subestimar seu adversário. Porém, de qualquer maneira, isso não acontecerá neste ano.

    Neste ano estou mais preparado do que nunca, mais forte, mais pronto. Ao relembrar o que houve, consigo perceber o quão meteórico foi meu crescimento. E por mais que todos afirmem, preciso dizer que, de uma maneira ou de outra, STUART SANDERS NÃO É UMA LENDA! Não, ele não é. Minha história, meu legado, tudo que fiz ou deixei de fazer, foram questões falhas que nunca resultaram em nada. Meus reinados como UWF Champion e World Tag Team só tem alguma relevância por fazerem parte da história, enquanto meu reinado de World Heavyweight sequer mais faz parte. Luiz Tanaka, o homem pelo qual sempre estive na sombra, conseguiu apagar minha história até como campeão mundial.
    Por isso vencerei na Wrestlemania. Irei com força, fúria e principalmente o conhecimento daquele local. A pressão e a diferença que a crowd faz em determinados momentos me levam a crer que, querendo ou não, naquele momento ela poderá me dar certa energia. Reconheço que Luiz Tanaka é um grande adversário, um cara que sempre me derrotou e me fez de boneco diante de tantas coisas. Que sempre que pisei em um ringue com este homem fui reconhecido como fraco e que no fundo, quando ambos nos enfrentamos, Stuart Sanders sempre é o “Underdog”.

    Na Wrestlemania não é diferente, várias das pessoas que tanto confiaram em mim, acabaram por se rebaixar e acreditar em Luiz Tanaka. O que fiz para retirar a confiança do meu ombro, não sei dizer, porém o que vem átona é como ser World Heavyweight Champion desta maneira será mais gratificante. Stuart Sanders virá pela última vez e mostrará naquele ringue que Luiz Tanaka não é deus. Mostrará que convive no inferno diariamente e que os Three Stages of Hell será a melhor maneira de acabar com um legado.

    Na Wrestlemania, finalmente me firmarei como uma lenda por merecer este nome. Finalmente derrotarei Luiz Tanaka. Finalmente me vingarei de fatos do último ano. E finalmente, finalmente farei história. Farei história sendo o digníssimo e indiscutível campeão. No fim da noite serei um mito, uma lenda e por fim, diante críticas, vaias e ovações…. Serei o novo World Heavyweight Champion.

    Saldem o Rei das sombras, saldem o seu Royal Rumble Winner. Saldem a única esperança para acabar com um câncer. Saldem… Stuart Sanders.

    EMBRACE THE MADNESS, LONG LIVE TO THE KING!

  28. Match #1: Street Fight Match – “Violence” Jack vs. “Mr. Wrestling” Steen
    Não há palavras que possam justificar o porque deste combate ter sido incluso no maior evento de todos. Um combate que poderia ter sido muito bem feito em um show comum e liberado caras como Steen para coisas maiores, acontece em uma Wrestlemania. Além de uma estipulação totalmente aleatória só para ambos terem que dizer “Olá, eu sou violento. Ok?”. Enfim, Steen deve levar a vitória facilmente. “Violence” Jack consegue ser tosco desde o nome, até o seu próprio Wrestling.

    Match #2: Tag Team Turmoil for UWF World Tag Team Championship – The Unruly Generation vs. The British Airlines vs. Black Hearth Conviction vs. Nightmare Knockout Connection vs. The Beauty & The Beast
    Essa sim foi uma rivalidade que me agradou e querendo ou não, os lutadores com maiores chances de saírem vencedores, obviamente são a Nightmare Knockout Connection e a Black Hearth Conviction. A British Airlines prometeu, prometeu e prometeu, mas o querido Valugi Barros decepcionou, deixando assim, o Hardy só. O entrosamento entre ambos não é nada perto do que vemos no show. Parece que eles só são parceiros na frente das câmeras e por detrás dela, se socam. MVP e Baddrock é irrelevante, enquanto A.B. & Daena poderiam sim vencer, mas o número de suas respectivas entradas, em nada ajudam. Vou de Black Hearth, pois essa é a chance de Felix finalmente ter sua redenção.

    Match #3: Hell in a Cell Match for UWF Extreme Championship – “The Future” Dean Nolan © vs. “The Instant Classic” Cody Clarke
    Épico! Épico! E épico! Só isso que digo sobre este duelo. Não darei um palpite sequer, mas terei de afirmar que Nolan poderia muito bem reter, assim como Clarke poderia muito bem vencer. Sem palavras, que vença o melhor.

    Match #4: Three Way Elimination Last Man Standing for UWF Intercontinental Championship – Pedro “Jason” Cruz © vs. Jomo Eduardo vs. Christian
    Pior rivalidade is here, só fica atrás de Jack vs. Steen… Christian leva, até porque, Jason já era um cara lascado e junto disso, conseguiu afundar-se mais quando se juntou ao coitado do Caio que sinceramente, é um belo fracasso. Jomo rebelde é muuuuuuuuuuito chato. Ele poderia ser melhor caso mantivesse sua personalidade. Já sobra para o Christian e finalmente, um novo Intercontinental Champion.

    Match #5: Ladder Match for UWF Championship – “The Man that Gravity Forgot” Tomyer vs. “The Demigod of Pro-Wrestling” Perfecto Ziggler
    Peeeeeeeerfecto! Pobre Tomyer, tanto exigiu uma oportunidade e quando a recebeu, sumiu do mapa. Parabéns, Tomyer. Após essa.. YOU’RE NOTHING! Ladder Match é uma bela estipulação e também com grande lógica, mas enfim, Perfecto vence e acabou.

    Assim, após essa vitória se unindo a minha, teremos a melhor dupla de World Champions desde Sanders/Kaiser. This… is my design.

    • Quando que eu comecei a dar uma de Rebelde ou mudei minha personalidade? Eu fui o injustiçado disso tudo, Christian que é o mal disfarçado de bonzinho, mas parece que ninguém percebe isto excluindo eu.

      • Claro, claro, entendo seu lado. Mas até aqui na Wrestlemania, não vi as garras do Christian. Porém, sei do que ele é capaz para vencer.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: